Left off-canvas

An off-canvas can hold any content you want.

Close this off-canvas by clicking on the backdrop or press the close button in the upper right corner.

 

Some details

  • Width
    240px
  • Height
    100%
  • Body scroll
    disabled
  • Background color
    Default

Assinatura do Memorando de Entendimento para o quadro de cooperação e promoção de amizade entre Macau e o Porto

Chefe do Executivo do Governo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), Chui Sai On, e o presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira, assinam o «Memorando de entendimento para o Quadro de Cooperação e Promoção de Amizade entre a Região Administrativa Especial de Macau da República Popular da China e a Câmara Municipal do Porto da República Portuguesa».

O Chefe do Executivo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), Chui Sai On, em visita oficial a Portugal, e o presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira, assinaram, no final da manhã (hora do Porto), do dia 17 de Maio, o «Memorando de Entendimento para o Quadro de Cooperação e Promoção de Amizade entre a Região Administrativa Especial de Macau da República Popular da China e a Câmara Municipal do Porto da República Portuguesa», com a presença do presidente da Assembleia Municipal do Porto, Miguel Pereira Leite. Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal do Porto também entregou as Chaves da Cidade ao Chefe do Executivo.

Durante o seu discurso, proferido na cerimónia, Chui Sai On, começou por agradecer à Câmara Municipal do Porto pela cordial recepção, e disse sentir uma grande alegria pela assinatura do memorando, num ano em que se celebra o 20.º aniversário do estabelecimento da RAEM, consolidado no relacionamento amigável do passado. Acrescentou que sob uma forte relação de amizade, as duas cidades irão promover, em conjunto, e aprofundar o desenvolvimento mútuo, com base nos princípios da igualdade e da reciprocidade de benefícios, concentrados no livre fluxo de comércio, na integração financeira e no entendimento entre os povos.

Chui Sai On indicou ainda que, no processo de participação na construção de «Uma Faixa, Uma Rota», Macau atribui grande importância ao reforço das suas vantagens específicas, envidando esforços para se transformar numa ponte e num elo de ligação para a cooperação entre a China e os países de língua portuguesa e no apoio aos vários sectores na exploração de mercados de países lusófonos. Acrescentou que Macau destaca também o reforço da cooperação nos domínios da educação, da inovação da ciência e da tecnologia assim como do intercâmbio entre os jovens.

O mesmo responsável revelou que são organizadas visitas inseridas no âmbito da iniciativa «Uma Faixa, Uma Rota» que permitem aos jovens contribuir com o seu esforço e sabedoria para o reforço da cooperação entre as partes. Referiu que foi criada a «Bolsa de Estudo “Uma Faixa, Uma Rota”» no âmbito da Fundação Macau, através da qual os alunos da cidade do Porto são bem-vindos a Macau para prosseguirem os seus estudos.

O Chefe do Executivo agradeceu ao presidente da Câmara do Porto pela atribuição das Chaves da Cidade, onde disse que este acto não só representa uma grande honra pessoal como também para toda a RAEM, transmitindo a profunda amizade do povo do Porto para com os residentes de Macau. Adicionou que estas Chaves irão abrir as portas para o reforço dos contactos amigáveis entre as duas partes e para a expansão do intercâmbio e da cooperação em vários domínios, tais como o comércio, o turismo, a medicina tradicional chinesa, a preservação do património cultural e o intercâmbio dos povos, de modo a consolidar e a fortalecer as relações de cooperação e de amizade entre as duas cidades.

Chui Sai On disse ainda desejar que o Governo da RAEM possa continuar a trabalhar, uma complementaridade de vantagens, com a Câmara Municipal do Porto, em prol do seu futuro relacionamento, no sentido de promover a cooperação pragmática e a profunda amizade entre as duas cidades, e espera que em conjunto seja criado um belo futuro em prol do desenvolvimento de ambas as partes.

Em seguida, o presidente da Câmara Municipal do Porto, no seu discurso, começou a agradecer ao Chefe do Executivo e à sua delegação pela visita, destacando o facto de ser o ano do 22º aniversário de geminação entre o Porto e Macau. Disse que a assinatura do Memorando de Entendimento para o Quadro de Cooperação e Promoção de Amizade, demonstra uma declaração concreta da enorme vontade de empenho em promover o intercâmbio de cooperação nas áreas da economia e comércio, turismo, educação, medicina tradicional chinesa, empreendedorismo jovem, e protecção do património cultural, entre outras, a fim de elevar a qualidade da vida das populações de ambas as cidades.

Rui Moreira disse que, ao entregar as Chaves da Cidade do Porto ao Chefe do Executivo, este será considerado um cidadão de honra na expressão de uma profunda amizade entre a cidade do Porto e de Macau. Referiu que este encontro também serviu para incentivar os estudantes de ambos os territórios a participar activamente no programa da «Bolsa de Estudo “Uma Faixa, Uma Rota”», promover o intercâmbio a aprendizagem dos estudantes de modo a favorecer a formação de quadros qualificados.

O mesmo responsável indicou ainda que, o Porto irá também ajudar Macau a desenvolver a função como plataforma serviços para a cooperação comercial entre a China e os países de língua portuguesa, a fim de promover o crescente papel da cidade do Porto na nova economia mundial.

Durante a tarde (hora do Porto) o Chefe do Executivo conheceu ainda os investimentos de uma empresa de Macau no Porto. A delegação regressará à RAEM no dia 18 de Maio.

Ver galeria

Anexos



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar