Simpósio sobre a Propriedade Intelectual no Interior da China e RAEHK, RAEM 2019 realizado em Macau

Simpósio sobre a Propriedade Intelectual no Interior da China e RAEHK, RAEM 2019 realizado em Macau

O “Simpósio sobre a Propriedade Intelectual no Interior da China, RAEHK, e RAEM 2019”, organizado conjuntamente pelo Gabinete para os Assuntos de Hong Kong, Macau e Taiwan da Direcção Nacional da Propriedade Intelectual da RPC, Direcção dos Serviços de Economia do Governo da RAEM (DSE) e Departamento da Propriedade Intelectual do Governo da RAEHK, realizou-se hoje(dia 11), no Salão de Convenções do Centro de Convenções do Centro de Ciência de Macau. Estiveram presentes no simpósio o Subdirector do Gabinete de Patentes da Direcção Nacional da Propriedade Intelectual da RPC, Xu Zhijiang, o Director substituto da DSE, Lau Wai Meng, e o Director do Departamento da Propriedade Intelectual do Governo da RAEHK, David Wong.

O Director substituto da DSE, Lau Wai Meng, referiu no seu discurso que, hoje em dia, a nova ronda de revolução tecnológica mundial está a ganhar força para rebentar, sendo que as mudanças industriais baseadas em novos avanços tecnológicos estão continuadamente a acelerar-se e a implementação da estratégia do desenvolvimento impulsionado pela inovação já se tornou num tema contemporâneo, enfatizando que neste contexto, a chave para que as empresas sejam as primeiras a terem oportunidades na nova ronda de concorrência de nível mais alto é a criação activa e a aplicação efectiva da propriedade intelectual, podendo apenas o reforço da protecção da propriedade intelectual garantir que as empresas concretizem rendimentos através da inovação, a disposição racional dos elementos inovadores e a utilização eficaz dos recursos inovadores, promovendo, por conseguinte, o desenvolvimento das indústrias. Ele salientou que 2019 é o ano de início do desenvolvimento da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau e, neste novo ponto de partida, a DSE e os organismos competentes da propriedade intelectual da Grande Baía, irão empenhar-se, em conjunto, na promoção do maior desenvolvimento desta região nas áreas da inovação tecnológica e da criação, aplicação e protecção da propriedade intelectual, contribuindo, com a força da propriedade intelectual, para a construção do Centro de Inovação Tecnológica Internacional da Grande Baía e a criação de uma baía com peso internacional dinâmica e competitiva e de uma área metropolitana de nível mundial.

O subdirector do Gabinete de Patentes da Direcção Nacional da Propriedade Intelectual da RPC, Xu Zhijiang, salientou que, nos últimos anos, a Direcção Nacional da Propriedade Intelectual tem vindo a pôr em prática a estratégia nacional para a matéria da propriedade intelectual, intensificando constantemente a criação, protecção e aplicação da propriedade intelectual, promovendo, de forma empenhada, o fortalecimento da nação mediante a propriedade intelectual, valorizando plenamente os efeitos da propriedade intelectual na promoção da inovação tecnológica e no desenvolvimento económico. A RAEHK e a RAEM também estão a desenvolver e aperfeiçoar, de forma continuada, o seu sistema de propriedade intelectual, no sentido de promover o pleno desenvolvimento do sector da propriedade intelectual. No que diz respeito ao domínio do desenvolvimento da propriedade intelectual, o Interior da China possui grande capacidade nos aspectos de pesquisa básica, equipamentos de investigação científica, reserva de quadros qualificados, resultados intelectuais e dimensão do mercado e, por sua vez, a RAEHK e a RAEM têm vantagens específicas nas áreas de finanças, transportes e logística, serviços profissionais e plataforma aberta, etc. Ele acredita que, com a promoção e intensificação relativas a propriedade intelectual, o intercâmbio na área da economia, tecnologia e investimento entre o Interior da China, a RAEHK e a RAEM possa ser mais profundo, contribuindo, desde modo, para injectar energia na transformação económica e na promoção das indústrias do país.

O Director do Departamento da Propriedade Intelectual do Governo da RAEHK, David Wong, afirmou que a RAEHK tem sempre mantido no topo do ranking mundial de competitividade, com o seu ambiente privilegiado para negócios, mercado livre e aberto, sistema jurídico sólido e completo, e talentos profissionais de serviços com visão internacional. Hong Kong irá aproveitar bem estas vantagens, desempenhando o papel como centro para comércios, a fim de reforçar a cooperação e intercâmbio em matéria da propriedade intelectual entre o Interior da China e Macau, promovendo conjuntamente o desenvolvimento da economia intelectual de alto valor acrescentado, e proporcionando um forte apoio à construção da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau e da iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”.

Foram convidados como oradores neste simpósio representantes de organismos de administração da propriedade intelectual, especialistas e académicos no domínio da propriedade intelectual dos três lados, para efectuar, em conjunto, uma abordagemacerca dos temas “Desenvolvimento mais recente da propriedade intelectual no Interior da China, na RAEHK e na RAEM”, “Propriedade intelectual: nova dinâmica do crescimento económico na Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau ” e “Propriedade intelectual e inovação e empreendedorismo numa nova era”, tendo sido analisadas, a partir das situações e evoluções mais actualizadas do desenvolvimento da propriedade intelectual do Interior da China, de Hong Kong e Macau, e face à nova normalidade do desenvolvimento económico e à tendência do desenvolvimento industrial, as funções de suporte e orientação que a propriedade intelectual tem para o desenvolvimento da inovação da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, bem como discutida profundamente a relação interactiva entre a propriedade intelectual e o empreendedorismo e inovação. O simpósio contou com a presença de cerca de 160 oficiais, especialistas, académicos e representantes do sector empresarial e comercial no domínio da propriedade intelectual provenientes do Interior da China, da RAEHK e da RAEM.

Desde o ano 2000, este simpósio tem sido organizado, anual e rotativamente, entre o Interior da China, a RAEHK e a RAEM, sendo esta a 20.ª edição, que contribui para a criação de uma plataforma de intercâmbio e comunicação para os profissionais do sector da propriedade intelectual dos três territórios, tendo efeitos positivos no impulso ao aprofundamento da cooperação e intercâmbio dos três territórios no domínio da propriedade intelectual.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar