Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Dr. Alexis Tam, dá o exemplo para a criação de uma barreira imunológica e vacina-se contra a gripe em conjunto com dirigentes dos Serviços de Saúde

Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura Dr. Alexis Tam Chong Weng, acompanhado do Director dos Serviços de Saúde, Dr. Lei Chin Ion e subdirectora Dra. Ho Iok San admninistram vacinas antigripais para o Inverno 2019-2020

No âmbito do "Plano de vacinação contra gripe sazonal para o Inverno de 2019/2020" elaborado pelos Serviços de Saúde, quinta-feira, 3 de Outubro, o Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Dr. Alexis Tam Chong Weng, acompanhado do Director dos Serviços de Saúde, Dr. Lei Chin Ion, subdirectora Dra. Ho Iok San, subdirector substituto Dr. Pang Heong Keong, subdirector Dr. Ip Peng Kei, assessor do Gabinete do Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura Dr. Tai Wa Hou, chefe do Centro de Prevenção e Controlo das Doenças, Dr. Lam Chong e de um grupo de médicos administraram a vacina antigripal e apelaram aos residentes para que se vacinem o mais cedo possível, especialmente os indivíduos mais vulneráveis, para construir uma barreira imunológica e reduzir a infecção pela gripe.

Em declarações aos jornalistas o Dr. Alexis Tam Chong Weng referiu que os Serviços de Saúde encomendaram 180.000 doses da vacina quadrivalente antigripal 2019-2020 numero considerado suficiente para a vacinação dos residentes.

Entre Outubro e Dezembro, os Serviços de Saúde fazem deslocar profissionais de saúde a todas as escolas secundárias e primárias, jardins de infância e creches para proceder à administração colectiva da vacina antigripal a crianças, alunos, docentes e trabalhadores. Serão, também, efectuadas acções de vacinação colectiva em lares de idosos e de deficientes, serviços públicos e outras instituições onde exista um número elevado de funcionários e onde possa ser efectuada a vacinação colectiva.

O Governo da RAEM pretende realizar um bom trabalho na prevenção e controlo e construir uma barreira imunológica de modo a que os residentes evitem a gripe. O Plano de vacinação contra gripe sazonal foi lançado no passado dia 30 de Setembro. Num primeiro momento será dada prioridade de vacinação gratuita aos indivíduos pertencentes aos grupos de alto risco.

Até às 17h00 de quinta-feira, já mais de 1.100 pessoas já tinham sido vacinadas, sendo esta uma situação ideal.

O plano de vacinação contra gripe sazonal 2019 - 2020 é gratuito e prevê que os destinatários da vacina sejam indivíduos com idade compreendida entre os 6 meses e os 18 anos (exclusivo), com idade igual ou superior a 50 anos, mulheres grávidas, todos os doentes com doenças crónicas, pessoas obesas (índice de massa corporal IMC≧30), estudantes e pessoal docente de creches, jardins de infância e escolas primárias, secundárias e do ensino superior, bem como os utentes e trabalhadores dos lares, todos os profissionais de saúde, e os trabalhadores dos casinos que sejam residentes de Macau.

Os Serviços de Saúde consideram, também, que existem outras pessoas que necessitam de ser vacinadas, como é o caso dos funcionários dos serviços públicos. Nestes casos os Serviços de Saúde irão contactar as entidades para obter listas do pessoal e organizar a administração colectiva da vacina, acções estas que serão realizadas por profissionais dos centros de saúde. Por sua vez, os alunos e as crianças que não consigam participar no projecto de vacinação colectiva, podem dirigir-se pessoalmente, mais tarde, aos Centros de Saúde ou Posto de Vacinação do Centro Hospitalar Conde de São Januário, munidos do respectivo Bilhete de Identidade de Residente da RAEM, cartão de utente dos Serviços de Saúde, Registo individual de vacinação contra a gripe sazonal (se tiver), o cartão de funcionário ou o documento comprovativo da profissão. Quanto às crianças com idade igual ou superior a 6 meses, os alunos com idade inferior a 18 anos que não frequentam escolas em Macau, bem como os residentes com idade igual ou superior a 50 anos e as grávidas, podem dirigir-se pessoalmente, a partir de 30 de Setembro de 2018, aos Centros de Saúde, ao Posto de Vacinação do Centro Hospitalar Conde de São Januário, ao Posto de Vacinação do Hospital Kiang Wu, à Clínica dos Operários ou ao Hospital Universitário de Ciência e Tecnologia, para efeitos de vacinação gratuita.

Os Serviços de Saúde apelam aos cidadãos que tenham efectuado a vacina antigripal 2018-2019 durante o período compreendido entre Setembro de 2018 e Agosto de 2019, devem recorrer à administração da nova vacina sazonal antigripal.

A composição do antigénio da vacina antigripal para os anos 2019-2020 do hemisfério norte foi actualizada e é adequada contra a influenza do Inverno do hemisfério norte de 2019-2020 e a gripe no Verão de 2020.

Dependendo da situação da vacinação, prevê-se que, no início de Dezembro, a vacina antigripal esteja disponível para todos os residentes de Macau.

A vacina demora cerca de 3 semanas, após a vacinação, a produzir anticorpos suficientes, pelo que se apela aos grupos de alto risco, como crianças pequenas, idosos, mulheres grávidas e pacientes com doenças crónicas, para que sejam vacinados o mais rápido possível de modo a reduzir a infecção da gripe e a possibilidade de ocorrerem complicações.

De um modo geral em Macau o pico da gripe ocorre entre Janeiro e Março.

Para mais informações pormenorizadas, os interessados podem consultar o sítio electrónico dos Serviços de Saúde:http://www.ssm.gov.mo/vaccineou recorrer à linha aberta dos Serviços de Saúde n.º 28 700 800.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar