Resumo dos principais pontos da conferência de imprensa – Condições para o reinício das aulas


Quanto à questão do reinício das aulas nas escolas do ensino não superior, a secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Ao Ieong U, reiterou que os alunos serão informados da data, com uma antecedência de 14 dias, de forma a que os estudantes no exterior tenham tempo de regressar a Macau. A responsável salientou ainda que, após a sua chegada, terão de ficar em isolamento em casa. Por outro lado, sublinhou que o governo continua a verificar as condições necessárias para o reinício das aulas, ou seja, Zhongshan e Zhuhai têm uma situação estável sem novos casos, ao mesmo tempo que Guangdong não regista novos casos locais, além dos importados. Sob estes princípios, o governo está a ponderar a possibilidade de permitir o regresso à escola aos alunos que têm de fazer o exame de acesso universitário, para se prepararem para aquele teste através de um modelo de ensino parecido com o dos centros de explicações. Ao mesmo tempo, as disposições das escolas terão de corresponder às orientações dos Serviços de Saúde sobre a prevenção da epidemia pelo Covid-19. Ao Ieong U afirmou igualmente que, como Zhongshan e Zhuhai não têm novos casos confirmados há mais de 14 dias, se essas cidades decidirem reiniciar as aulas e a situação se mantiver estável, Macau poderá então considerar segura a vinda dos alunos dessas regiões que estudam em instituições de ensino locais. As orientações sobre o reinício das aulas também exigem aos alunos de Zhongshan e Zhuhai que não viagem até outras regiões ou a declaração desses deslocações às escolas. Já no caso de apresentarem qualquer sintoma, não poderão ir à escola. Quanto às aulas do ensino superior, a secretária disse que estão dependentes da situação da China interior, porque as instituições locais têm muitos estudantes universitários de lá. Assim, até ao momento, ainda não há data para o reinício dessas aulas e o governo vai igualmente ter em conta, neste caso, a data do recomeço na China inteiror.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar