Reunião de trabalho sobre o projecto geral de reforço da cooperação entre Guangdong e Macau

Elementos das delegações dos governos da RAEM e da província de Guangdong antes do início da reunião de trabalho sobre o projecto geral de reforço de cooperação entre Guangdong e Macau.

O Chefe do Executivo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), Ho Iat Seng, teve, no dia 13 de Março, um encontro com o governador da província de Guangdong, Ma Xingrui, e respectiva delegação, em Macau, onde abordaram o incentivo à construção da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, o aprofundamento da cooperação entre as duas regiões e, em especial, trocaram opiniões sobre a zona de reforço da cooperação entre a província de Guangdong e Macau, em Hengqin (Ilha da Montanha).

O Chefe do Executivo começou por agradecer a atenção e apoio que o Comité e o Governo Provincial de Guangdong têm dispensado ao território, salvaguardando a estabilidade do abastecimento dos recursos, produtos alimentares frescos e bens de primeira necessidade da vida da população durante o surto epidémico do vírus Covid-19. Revelou ainda que os dois governos mantiveram o diálogo e coordenação durante este período, para enfrentar em conjunto a epidemia. Com os esforços de ambos, a prevenção mútua obteve resultados significativos.

O mesmo responsável revelou ainda que o novo Governo da RAEM manifesta grande importância à intensificação da cooperação entre Guangdong e Macau nesta nova era, que espera impulsionar através de um novo pensamento e método. Considera que o conceito e o planeamento da zona de reforço da cooperação entre a província de Guangdong e Macau em Hengqin, necessita de demonstrar o aprofundamento e o alargamento da cooperação entre as duas regiões, os quais carecem de uma maior visão, havendo a necessidade de coragem para a mudança e a inovação, assim como para impulsionar os trabalhos de forma pragmática.

Destacou que Macau deve ainda aproveitar bem as vantagens do princípio «um país, dois sistemas», como da localização geográfica e dos inúmeros recursos de Hengqin, com o objectivo de fortalecer mais a investigação e a comunicação e, através da cooperação inovadora aprofundar mais a interligação de mecanismos, promovendo, deste modo, uma maior rapidez da concretização da zona de reforço da cooperação entre a província de Guangdong e Macau em Hengqin.

Por sua vez, Ma Xingrui sublinhou os resultados do controlo epidémico de Macau, transmitindo o elogio e a atenção do Comité e do Governo Provincial de Guangdong. Salientou que, sob a liderança e planeamento uniformizado do Governo Central, aquela província concretizou trabalhos rigorosos no âmbito da prevenção.

Revelou ainda que Hengqin foi sempre um dos pontos essenciais na cooperação entre os dois territórios, e que a iniciativa da construção de uma nova zona ali, se deve à criação de condições para o desenvolvimento diversificado das indústrias de Macau, pretendendo alargar os horizontes com o novo governo, através de uma perspectiva estratégica, reforma e abertura. Frisou ainda o dever em concretizar seriamente o espírito das orientações do Presidente Xi Jinping, apresentadas aquando do discurso nas actividades comemorativas do 20.º aniversário do Regresso de Macau à Pátria, e transformar Hengqin numa nova plataforma e zona piloto para a exploração do princípio «um país, dois sistemas».

Estiveram ainda presentes no encontro o vice-governador da província de Guangdong, Zhang Xin, o secretário do Comité Municipal do Partido Comunista de Zhuhai, Guo Yonghang, o director da Comissão Provincial para o Desenvolvimento e Reforma, Ge Zhangwei, o director do Gabinete para os Assuntos de Hong Kong e Macau da Província, Liao Jingshan, e o subdirector executivo do gabinete de Grande Baía da província, Cao Dahua. Da RAEM estiveram o secretário para a Administração e Justiça, André Cheong, o secretário para a Economia e Finanças, Lei Wai Nong, o secretário para a Segurança, Wong Sio Chak, a secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Ao Ieong U, o secretário para os Transportes e Obras Públicas, Raimundo Rosário, e entre outros.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar