O meio hídrico da zona costeira da Avenida Norte do Hipódromo, Areia Preta foi visivelmente melhorado após o controlo integrado

A qualidade das águas costeiras era turva e o lodo do fundo era de cor preta, antes da implementação das medidas de controlo integrado.

A fim de melhorar a questão de poluição verificada na costa da Avenida Norte do Hipódromo, na Areia Preta, a Direcção dos Serviços de Protecção Ambiental (DSPA), em conjunto com a Direcção dos Serviços de Solos, Obras Públicas e Transportes, o Instituto para os Assuntos Municipais e a Direcção dos Serviços de Assuntos Marítimos e de Água, estabeleceram um grupo interdepartamental, tendo tomado uma série de medidas de controlo e melhoria integradas. Entre elas, incluem-se a concretização do projecto das obras de intercepção de águas residuais provenientes das saídas de descarga junto à costa da Areia Preta, a construção da canalização de intercepção e estação elevatória na zona costeira da Avenida Norte do Hipódromo, para interceptar o escoamento com mistura de águas residuais produzidas pela ligação incorrecta de esgotos e águas pluviais na fase inicial de precipitação, assim como o transporte posterior do mesmo para o acompanhamento na Estação de Tratamento de Águas Resíduos da Península de Macau. O respectivo projecto foi concluído em Setembro de 2019 e já entrou em funcionamento, sendo este capaz de melhorar radicalmente o problema de poluição.

Após terem sido implementadas as medidas de controlo integrado acima indicadas, a questão de poluição das águas costeiras na Avenida Norte do Hipódromo, Areia Preta, melhorou significativamente. Com base na análise in loco e nos resultados dos exames, o problema de mau cheio, que implicou um grave impacto na vida dos habitantes, foi significativamente melhorado; no tocante à qualidade das águas costeiras, as concentrações dos poluentes nas águas, diminuíram significativamente, nomeadamente, os coliformes fecais, a demanda biológica de oxigénio durante 5 dias e o nitrogénio amoniacal registaram uma redução de cerca de 99%, 98% e 98%, respectivamente. A par disso, após algumas inspecções verificou-se que nas margens costeiras começou a notar-se a existência de alguns peixes e pássaros, ali a viver e a repousar, sendo o meio ecológico das águas costeiras gradualmente recuperado.

Para mais informações detalhadas é favor navegar a página temática electrónica da DSPA: Sinopse sobre o Controlo da Poluição do Meio Hídrico da Zona Costeira da Avenida Norte do Hipódromo, Areia Preta (https://www.dspa.gov.mo/richtext.aspx?a_id=1562309637#).

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar