Terminará no final deste mês o prazo para a apresentação de candidatura aos dois planos de apoio financeiro na instalação dos equipamentos contra inundações, apelando-se aos comerciantes que necessitam de apoio apresentem pedidos com a maior brevidade possível.

A empresa instalou a barreira contra inundações para preparar bem contra inundações

Com a aproximação da época de tufões, lembra-se às PME, especialmente aquelas que têm estabelecimentos situados nas zonas baixas, que preparem e tomem, atempadamente, medidas de prevenção contra inundações para fazer face a todo o tipo de eventualidades, com o intuito de evitar danos e perdas nas mercadorias e instalações. Em 2018, a Direcção dos Serviços de Economia (DSE) e o Centro de Produtividade e Transferência de Tecnologia de Macau (CPTTM) colaboram no lançamento do “Plano de Apoio Financeiro a Pequenas e Médias Empresas na Instalação dos Elevadores para Mercadorias” e do “Plano de Apoio Financeiro a Pequenas e Médias Empresas na Instalação das Barreiras contra Inundações e Bombas de Água”, o prazo para a apresentação de candidatura aos referidos dois planos terminará em 30 de Junho de 2020. A DSE e o CPTTM apelam aos comerciantes que necessitam de apoio apresentem pedidos com a maior brevidade possível.

O Governo da RAEM lançou dois planos de apoio financeiro a PME na instalação dos equipamentos contra inundações, com o objectivo de ajudar os empresários locais dos estabelecimentos situados nas zonas baixas a aumentarem a sua capacidade de contra inundações e reduzir os prejuízos económicos que possam ser trazidas pelas inundações. Desde o lançamento dos dois planos, em 2018, até ao presente, foram aprovados mais de 2400 pedidos.

Ontem (dia 13), devido à influência da tempestade tropical “Nuri”, foi içado o sinal n.º 3 de tempestade tropical em Macau, muitos estabelecimentos comerciais das zonas baixas estavam bem preparados e instalaram as barreiras para contra inundações, felizmente, a "Nuri" não acabou com o“Storm Surge”. No mês passado, na zona do Porto Interior, houve inundações devido às marés meteorológicas e chuvas intensas, muitas lojas realizaram a montagem atempada dos painéis das barreiras contra inundações, as mesmas conseguiram resistir as inundações vindas do exterior da loja. As PME podem aproveitar os subsídios concedidos pelo Governo na instalação de equipamentos contra inundações, que não só pode reforçar a sua capacidade de prevenção contra catástrofes, mas também pode fazer face a todas as eventualidades.

A DSE e o CPTTM entendem que as PME têm necessidade de lidar com as questões das inundações decorrentes na época de chuvas, pelo que estão a acelerar o tratamento dos pedidos recebidos. De acordo com os pedidos tratados nos últimos três meses, se todos os documentos exigidos forem recebidos, o aviso de consentimento de instalação pode ser emitido em 15 dias úteis. No entanto, verificou-se também algumas situações em que a empresa apresentou o pedido através do agente ou do proprietário do estabelecimento, encontrando-se assim a falta de documentos que impede o andamento do pedido, por isso, apelando-se aos requerentes para acompanharem de perto a situação do seu pedido. Por exemplo, nos dias anteriores, um comerciante de florista, ao falar à comunicação social, frisou que o seu pedido tinha sido apresentado em Maio, mas que ainda não foi autorizado. Após a consulta dos registos dos pedidos pelos serviços responsáveis, verificou-se que o respectivo proprietário do estabelecimento só entregou o pedido no dia 4 de Junho, mas, até ao momento, não foram recebidos todos os documentos necessários, por isso, o procedimento de apreciação e autorização foi adiado. O CPTTM vai contactar directamente com o comerciante em causa para o acompanhamento do caso.

Além disso, a DSE e o CPTTM distribuíram, de forma direccionada, folhetos aos comerciantes que ainda não instalaram equipamentos contra inundações, e fizeram apelos à elevação da consciência de prevenção de inundações e ao bom aproveitamento dos dois planos de apoio financeiro a PME na instalação dos equipamentos contra inundações lançados pelo Governo, para preparar, atempadamente, medidas de prevenção contra inundações. E em simultâneo, foram distribuídos os folhetos referentes às preparações de prevenção contra inundações em eventuais períodos anterior e posterior do ataque da tempestade, permitindo às PME ter uma referência para tomar medidas adequadas de prevenção contra inundações.

O prazo para a apresentação de candidatura aos referidos dois planos terminará no final deste mês, a DSE e CPTTM apelam, mais uma vez, as empresas que necessitam de apoio apresentem pedidos com a maior brevidade possível. De outro lado, em relação ao pedido que foi apresentado através do agente, as empresas têm de saber se o pedido já foi formalmente apresentado ou não ao CPTTM, uma vez que, em alguns casos, as PME consideraram que o pedido já foi apresentado, mas, na realidade, os documentos ainda estão na posse do agente, o que pode causar atrasos e impactos desnecessários. O CPTTM irá acelerar os trabalhos de tratamento após a recepção dos pedidos, para que os estabelecimentos comerciais com condições possam iniciar os trabalhos de instalação o mais cedo possível, de modo a fazer face às inundações. As informações pormenorizadas sobre o pedido e o modelo dos dois planos estão disponíveis na página electrónica do CPTTM (http: / / www.cpttm.org.mo). Para mais informações, é favor contactar o funcionário do Centro de Produtividade e Transferência de Tecnologia de Macau, através do telefone n.º 2878 1414, durante as horas de expediente.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar