“Vamos! Macau!” – Excursões Locais a receber inscrições a partir de amanhã, visam recuperação gradual do turismo

Poster promocional de “Vamos! Macau!” – Excursões Locais

A iniciativa “Vamos! Macau!” – Excursões Locais arranca amanhã (dia 17), data em que os residentes de Macau podem começar a inscrever-se junto das agências de turismo que integram o plano. Entre 22 de Junho e 30 de Setembro, os residentes de Macau podem integrar roteiros locais, recebendo cada participante um subsídio de 280 patacas por passeio, num limite de 560 patacas. Com “Vamos! Macau!” – Excursões Locais, o Governo da RAEM pretende ajudar a recuperação gradual da actividade da indústria turística local, em sincronização com o plano global de retoma económica da cidade.

Com a coordenação da Direcção dos Serviços de Turismo (DST) e o financiamento da Fundação Macau, “Vamos! Macau!” – Excursões Locais contam com o empreendimento dum grupo de trabalho constituído pela Associação das Agências de Viagens de Macau, Associação das Agências de Turismo de Macau e Associação de Indústria Turística de Macau, para evitar competição desleal no sector. O grupo de trabalho está encarregue da gestão do projecto, bem como de trabalhos concertados de compra, desenvolvimento de produtos, fixação de preços e controlo da qualidade, entre outros. Durante a execução do projecto, o grupo de trabalho coordena entre as agências de viagens o fornecimento de recursos como veículos, motoristas e guias turísticos, integrando ao mesmo tempo restaurantes e atracções turísticas.

“Vamos! Macau!” – Excursões Locais disponibiliza um leque de 15 roteiros, divididos em dois grupos: roteiros comunitários (seis roteiros) e roteiros de lazer (nove roteiros). O custo das excursões inclui o passeio, alimentação, guia, seguro, entre outras despesas, providenciando aos residentes programas turísticos económicos, bem como uma oportunidade para conhecer os novos desenvolvimentos das zonas comunitárias características e produtos turísticos.

Para apoiar as pequenas e médias empresas locais, na primeira inscrição, os residentes permanentes e não permanentes podem escolher entre roteiros comunitários ou roteiros de lazer. Numa segunda inscrição terão de optar por um grupo distinto da primeira escolha. Para os primeiros dois passeios os residentes recebem um subsídio de 280 patacas cada. Realizados dois itinerários, os residentes podem participar em qualquer um dos roteiros mediante o pagamento do preço original. Por outro lado, para acolher requisitos de grupos com necessidades específicas, associações, escolas, entre outras entidades interessadas devem contactar o grupo de trabalho para coordenação das inscrições de grupo. Para mais informações e inscrições, contactar com as agências turísticas que participam na iniciativa “Vamos! Macau!” – Excursões Locais através do email info@lovemacau.org.

A DST já criou um mecanismo de supervisão para assegurar o uso adequado dos fundos públicos e evitar irregularidades. Em simultâneo, serão recolhidos dados que possibilitem uma avaliação da eficácia da iniciativa, e sirvam também como referência futura na estratégia de promoção turística e concepção de roteiros turísticos.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar