46º paciente confirmado concluiu hoje o isolamento do período de convalescença – 124 dias consecutivos sem casos de COVID-19 em Macau

Conferencia de imprensa realizada pelo Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus no dia 31 de Julho de 2020

O Médico-Adjunto da Direcção do Centro Hospitalar Conde de São Januário (CHCSJ), Dr. Lo Iek Long na conferência de imprensa do Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus, sexta-feira, 31 de Julho, fez nota que já não é registada qualquer transmissão na comunidade de COVID-19, há 124 dias e já passaram 35 dias sem diagnósticos de casos importados. Macau diagnosticou, até à data quarenta e seis (46) casos, dos quais, quarenta e quatro (44) são casos importados e só dois (2) são relativos a casos importados. Quarenta e seis (46) pessoas já tiveram alta. Não há registo de qualquer infecção entre os profissionais de saúde nem casos mortais. Todos os doentes recuperados já concluíram o isolamento do período de convalescença, não há nenhum caso de contacto próximo em observação médica.

Nos dias 29 e 30 de Julho foram realizados 23.046 testes de ácido nucleico do novo tipo de coronavírus em Macau. Além disso, o Dr. Lo Iek Long relatou que hoje (dia 31) o 46.o paciente diagnosticado com pneumonia causada pelo novo tipo de coronavirus em Macau completou uma observação de isolamento no período de convalescença por 14 dias, e será submetido a uma medida de autogestão da saúde no domicílio durante 14 dias.

O último grupo de pessoas que regressou para Macau por meio do serviço especial de barcos também concluiu o segundo teste de ácido nucleico com resultado negativo. A observação médica no hotel designado delas foi concluída ontem (dia 30), ou seja, as 1.767 pessoas na segunda operação de transporte especial do Governo da RAEM, concluíram as observações médicas e apenas foi registado um caso importado e não ocorreu nenhuma transmissão da comunidade, o que mais uma vez, significou a implementação efectiva da política de prevenção de epidemias nas fronteiras promovida pelo Governo da RAEM. O Dr. Lo Iek Long também resumiu as duas operações de transporte especial por meio do serviço especial de barcos.

Em termos de observação médica realizada em Macau, a Coordenadora do Núcleo de Prevenção de Doenças Infeciosas e Vigilância de Doença do Centro de Prevenção e Controlo da Doença dos Serviços de Saúde, Dr.ª Leong Iek Hou, disse que entre os dias 29 e 30 de Julho, mais 162 indivíduos foram submetidos à observação médica, 75 dos quais são residentes de Macau e 87 não residentes de Macau. No total, foram enviados para a observação médica 9.632 indivíduos. Há, ainda 1.062 indivíduos em observação médica dos quais 1.043 em hotéis designados, 19 em embarcações de pesca.

A Chefe do Departamento de Promoção Turística da Direcção dos Serviços de Turismo, Dr.ª Betty Fok,reportou o número de pessoas em observação médica em hotéis designados, e divulgou que, o Hotel Grande Sheraton Macau será esvaziado até 14 de Agosto. Os Serviços de Saúde darão instruções de desinfecção e limpeza ao Hotel. Após a conclusão de desinfecção e limpeza, esse Hotel não será mais designado como um hotel de observação médica. A partir do dia 1 de Agosto, o Hotel China Coroa d’Ouro será designado como um hotel de observação médica.

O Chefe da Divisão de Ligação entre Polícia e Comunidade e Relações Públicas, Dr. Lei Tak Fai, relatou a actual situação da cidade e a situação de entradas e saídas de Macau e afirmou a situação de acompanhamento de um incidente de saída de um quarto de hotel de observação médica sem autorização, entre outros, respondendo-se ainda as referidas perguntas levantadas pelos jornalistas.

Estiveram presentes na conferência de imprensa o Médico-Adjunto da Direcção do CHCSJ, Dr. Lo Iek Long, a Chefe do Departamento de Promoção Turística da Direcção dos Serviços de Turismo, Dra. Betty Fok, o Chefe da Divisão de Ligação entre Polícia e Comunidade e Relações Públicas, Dr. Lei Tak Fai e a Coordenadora do Núcleo de Prevenção de Doenças Infecciosas e Vigilância de Doença do Centro de Prevenção e Controlo da Doença dos Serviços de Saúde, Dra. Leong Iek Hou.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar