2.º Curso de certificação e formação sobre a capacidade de garantia da segurança das infra-estruturas críticas da informação e o registo dos profissionais de segurança da informação (CISP)

2.º Curso de certificação e formação sobre a capacidade de garantia da segurança das infra-estruturas críticas da informação e o registo dos profissionais de segurança da informação (CISP) 1

Organizado pela Direcção dos Serviços de Correios e Telecomunicações (CTT) e pelo Fundo para o Desenvolvimento das Ciências e da Tecnologia (FDCT) em colaboração com o Centro de Produtividade e Transferência de Tecnologia de Macau (CPTTM), o 2.º Curso de certificação e formação sobre a capacidade de garantia da segurança das infra-estruturas críticas da informação e o registo dos profissionais de segurança da informação (CISP) decorre em Macau entre 9 e 14 de Novembro do presente ano, após a realização do seu primeiro curso em Cantão no ano passado. O presente curso tem como objectivo formar mais talentos profissionais de Macau na área da cibersegurança.

A cerimónia da abertura do curso decorreu no dia 9 de Novembro e foi presidida pela Directora dos CTT, Lau Wai Meng, pelo membro do Conselho de Administração do FDCT, Cheang Kun Wai e pelo director-geral executivo do CPTTM, Shuen Ka Hung. A epidemia não diminui a vontade dos formandos para adquirir conhecimentos, contando a acção de formação em epígrafe com a participação de 25 formandos provenientes das indústrias de Macau e da respectiva área, devendo os mesmos concluir o curso e passar na prova para obter a certificação nacional de nível mais alto para a qualificação dos profissionais de segurança informática, isto é, Certificação Nacional sobre o Registo dos Profissionais de Segurança da Informação (CISP).

Tendo em conta que a Lei da Cibersegurança já se encontra em vigor, os operadores de infra-estruturas críticas devem cumprir os seus deveres e obrigações legais, no sentido de assegurar a cibersegurança. Ao mesmo tempo, o Centro de Alerta e Resposta a Incidentes de Cibersegurança está em funcionamento, tendo iniciado, de forma ordenada, os diversos trabalhos de supervisão. Cada uma das partes coopera entre si e desempenha o seu papel, envidando esforços para garantir a cibersegurança de Macau.

O presente curso de formação faz parte do plano anual de trabalhos prioritários do Grupo das Indústrias das Técnicas Electrónicas e Informáticas, subordinado ao Conselho de Cooperação de Ciência e Tecnologia entre o Interior da China e Macau. A cooperação intensa em termos da formação dos talentos do Interior da China e de Macau na área da cibersegurança contribui para fortalecer a formação em serviço dos trabalhadores locais da área em causa, aumentando a sua consciência sobre a cibersegurança e as técnicas profissionais bem como consolidando o funcionamento normal e seguro das infra-estruturas críticas e dos sistemas de rede.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar