Chefe do Executivo tem encontro com presidente do Banco da China

Chefe do Executivo, Ho Iat Seng, tem encontro com o presidente do Banco da China, Wang Jiang.

O Chefe do Executivo, Ho Iat Seng, teve hoje (10 de Novembro), na Sede do Governo, um encontro com o presidente do Banco da China, Wang Jiang, e respectiva comitiva, durante o qual foram trocadas impressões sobre o impulso à diversificação industrial de Macau e o reforço das vantagens do território enquanto Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

No encontro, o Chefe do Executivo começou por agradecer a ajuda do Banco da China prestada durante o combate à epidemia causada pelo novo coronavírus, nomeadamente no processo de aquisição de máscaras e outros produtos médicos ao exterior, a qual está a afectar os residentes e diversos sectores locais. O Chefe do Executivo manifestou o seu reconhecimento pela acção do sector bancário que tem lançado uma série de medidas para ajudar as pequenas e médias empresas afectadas e os clientes com empréstimos hipotecários, como forma de apoiá-los a ultrapassar as dificuldades.

O mesmo responsável sublinhou ainda que a epidemia veio evidenciar a importância de uma diversificação industrial do território. Portanto, o Governo da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) irá empenhar-se no impulso ao desenvolvimento do sector financeiro e de um mercado de títulos, com o objectivo de ajustar, de forma gradual, a estrutura industrial local e definir uma orientação viável para o desenvolvimento a longo prazo de Macau. Além disso, declarou que o Governo da RAEM continuará a construir a Plataforma entre a China e os Países de Língua Portuguesa, a fim de usar as vantagens locais para servir as necessidades nacionais.

O presidente do Banco da China referiu que, sob a liderança do Chefe do Executivo, o Governo da RAEM tem obtido resultados positivos nos trabalhos de prevenção e controlo da epidemia, assegurando a estabilidade da vida da população e do ambiente comercial. E afirmou que, no caminho para a diversificação económica do território, o Banco da China irá prestar o seu maior apoio para impulsionar a construção da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau.

Wang Jiang garantiu igualmente ajuda a Macau para o reforço das suas vantagens no cumprimento do papel de Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, e de cidade pioneira na iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”, bem como para a criação de uma plataforma comercial de colaboração regional centrada em Macau, no âmbito da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau.

Estiveram também presentes no encontro, a chefe do Gabinete do Chefe do Executivo, Hoi Lai Fong, o presidente da Sucursal de Macau do Banco da China, Li Guang, o chefe do gabinete da globalização do Banco da China, Li Jiuzhong, o director geral do departamento financeiro, Jiang Xin, o director geral do departamento de gestão de canais e operações do Banco da China, Wang Haiquan, e o vice-presidente da Sucursal de Macau do Banco da China, Ip Sio Kai, entre outros.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar