Incentivo ao regresso de talentos a Macau prestado pela Comissão de Desenvolvimento de Talentos

Incentivo ao regresso de talentos a Macau prestado pela Comissão de Desenvolvimento de Talentos

O Grupo Especializado de Incentivo ao Regresso de Talentos a Macau subordinado à Comissão de Desenvolvimento de Talentos realizou, recentemente, a sua segunda reunião de trabalho deste ano, que foi presidida pelo convocador, Dr. Lau Ion Tong. Na reunião, um membro do secretariado da Comissão apresentou o ponto da situação do intercâmbio realizado entre os talentos de Macau no exterior e os especialistas locais, bem como, os resultados do questionário on-line Desafio do Regresso a Macau. De seguida, os participantes discutiram o plano de actividades para 2021.

No primeiro semestre deste ano, a Comissão organizou duas videoconferências. Para uma foram convidadas personalidades distintas de Macau, que se dedicam à indústria de chips em Silicon Valley, para trocarem opiniões com os especialistas e empreendedores de Macau da respectiva área. Para a outra, que se realizou em Setembro, foram convidadas personalidades do sector financeiro de diferentes regiões, para debaterem o rumo do desenvolvimento do sector financeiro de Macau. Após as reuniões, todas as partes apresentaram sugestões para Macau, como por exemplo, a necessidade de incentivar as empresas para que proporcionem acções de reciclagem, de conhecimentos ou práticas, para os trabalhadores efectivos e, paralelamente, que se incentivem, estes últimos, para que obtenham credenciação profissional a nível internacional, bem como, que se criem projectos de intercâmbio e cooperação ou programas de estágio, de longo prazo, para as áreas financeira e tecnológica.

O questionário on-line, intitulado Desafio do Regresso a Macau, lançado pela Comissão, teve como objectivo recolher dados sobre a vontade de regresso, a Macau, dos talentos que estão a viver no exterior, bem como saber das suas preocupações e das eventuais dificuldades que possam surgir após o retorno, para que, no futuro, quando se vierem a definir as políticas de incentivo para o regresso de talentos de Macau, que vivem no exterior, possam os dados, nele recolhidos, servir de referência.

Na reunião do Grupo Especializado, também, foram debatidos os trabalhos a que os seus membros darão continuidade e que optimizarão em 2021. A maior parte dos membros consideraram que o trabalho de incentivo ao regresso de talentos tem que estar, estreitamente, ligado com as respectivas políticas do Governo da RAEM, de forma a atrair, de forma estratégica e focada, os talentos necessários para o desenvolvimento da indústria diversificada de Macau.

Estiveram presentes, na reunião, os seguintes membros do Grupo Especializado: Lau Ion Tong, Ye Yixin, Jiang Zhihong, Ian Man Cheng, Chao Chong Hang, Charm Ka Ieong, Pang Chap Chong, Tong Kai Chung, U Seng Pan, Vong Pui Lam, Chang Kun Hong, secretário-geral, e Yeung Tsun Man Eric, consultor.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar