Primeiro dia de Vacinação contra a COVID-19 decorre sem problemas

Director dos Serviços de Saúde, Dr. Lei Chin Ion, visitou todos os postos de vacinação

Teve inicio, segunda-feira, 22 de Fevereiro, a 2ª fase vacinação contra a COVID-19 destinada a todos os residentes, que a partir de agora podem recorrer aos 12 postos de vacinação dos Serviços de Saúde, onde se incluem a consulta externa 24 horas e 2 postos da sala de recolha de amostras de sangue do CHCSJ, bem como 10 centros de saúde e posto de saúde para vacinação.

O Director dos Serviços de Saúde, Dr. Lei Chin Ion, visitou, esta manhã, o funcionamento de todos os postos de vacinação, de forma ordenada e estável, deu instruções relativas à organização das instalações, equipamentos, organização de pessoal e etapas de vacinação, em particular, verificou as exigências rigorosas relativas às instalações e equipamentos de emergência.

A abertura desta fase de vacinação decorreu sem problemas nos postos de vacinação.

O coordenador da vacinação contra a COVID-19, Dr. Tai Wa Hou, durante a entrevista, salientou que os residentes de Macau podem efectuar a marcação de vacinação a partir de hoje, através do sistema de marcação e escolher os postos de vacinação, o horário e o tipo de vacina que são adequados à sua situação (actualmente, só estão disponíveis as vacinas inactivadas contra a COVID-19 produzidas pelo Sinopharm Group o registo para as outras duas marcas pode ser efectuado mas sem marcação de data). Até ao momento, já foram registadas mais de 15 mil pessoas e hoje agendaram a vacinação mais de 2.500 pessoas.

Os Serviços de Saúde podem disponibilizar um máximo de 5.000 vagas por dia.

O coordenador explicou que o procedimento de vacinação tem uma duração de cerca de 15 minutos e os residentes devem apresentar o BIR e o título de marcação que obtiveram na altura do registo. Nos postos de vacinação, os residentes são alvo de uma avaliação da saúde pelos profissionais de saúde e devem assinar o termo de consentimento. Caso não tenham contra-indicação, podem ser vacinados imediatamente. Após a vacinação, todos os vacinados devem permanecer na zona de observação médica dos postos de vacinação durante 30 minutos, durante o qual os profissionais de saúde avaliam o seu estado físico e vacinados só podem sair sem indisposição.

Após a vacinação, é atribuído aos vacinados um Certificado comprovativo de vacinação contra a COVID-19 e exibido o registo de vacinação individual na sua Conta Única; posteriormente, os vacinados podem marcar a vacinação da 2.ª dose a partir do 28º dia ou data posterior. Depois de vacinação por 2 doses, o respectivo Código de Saúde de Macau irá mostrar que foi concluída a vacinação e emitido o Cartão portátil de vacinação contra a COVID-19.

Os Serviços de Saúde desde 9 de fevereiro que deu início à administração da vacina a 3 grupos prioritários. Até agora, mais de 3.700 pessoas prioritárias completaram a primeira dose da vacina e não foi registado nenhum caso com efeitos colaterais graves. Ocorreram apenas casos isolados de febre baixa ou dor no local da inoculação.

Nesta fase, toidos os posto de vacinação possuem vagas suficientes e se houver um aumento significativo da procura os Serviços de Saúde irão aumentar de forma progressiva os postos de vacinação e vagas.

O Dr. Tai Wa Hou explicou que as vacinas que estão a ser administradas pertencem ao primeiro lote de 100.000 doses de vacinas inactivadas produzidas pelo Sinopharm Group que chegou a Macau a 6 de Fevereiro. O segundo lote de 400.000 doses de vacinas inactivadas chegará em breve. As vacinas de mRNA produzidas pela BioNtech em cooperação com a Fosun chegarão a Macau no final deste mês ou início de Março. As vacinas de vetor de adenovírus está previsto que cheguem durante o terceiro trimestre deste ano.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar