A Direcção dos Serviços de Finanças apela para tratar com a maior brevidade possível da transferência bancária, para receber o montante da devolução do Imposto Profissional

Informações dos bancos que prestam os serviços de registo

Os contribuintes que preencham os requisitos referentes ao “Programa de Devolução do Imposto Profissional do Ano de 2019” e que pretendam receber o montante da devolução por transferência bancária, mas que ainda não efectuaram o registo das suas contas bancárias, devem fazê-lo junto dos bancos visados ou através dos meios electrónicos disponibilizados pelos mesmos, até ao dia 9 de Abril. O montante da devolução para os contribuintes que não tenham efectuado o registo, será pago posteriormente através de cheque cruzado ou através de título de pagamento.

A DSF alerta: os contribuintes devem assegurar que a conta bancária registada está activa e preencher correctamente o número do telemóvel ou o endereço electrónico na altura do tratamento do registo junto do banco, a fim de receberem as informações da DSF. Caso haja a alteração de dados, devem comunicar o mais rápido possível ao banco onde efectuaram o registo, por forma a evitar problemas na transferência.

A conta bancária em causa pode ser utilizada para receber não só, o montante da devolução do imposto profissional, mas também outros pagamentos a cargo do Governo, estipulados na lei. Os bancos que prestam os serviços de registo estão abaixo indicados, podendo os cidadãos consultar as informações dos serviços de registo dos mesmos através da leitura do código QR ou da página electrónica da DSF: https://www.dsf.gov.mo/tax/bankTransfer.aspx.

Bancos que prestam os serviços de registo

Banco da China

Banco Nacional Ultramarino

Banco Comercial de Macau

Banco Delta Ásia

Banco de Construção da China

Banco da East Asia

Banco de Guangfa da China

Banco Industrial e Comercial da China

Banco Luso Internacional

Banco Chinês de Macau

Banco OCBC Weng Hang

Banco Tai Fung

Banco Well Link

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar