Chefe do Executivo visita Universidade de Fudan e tem encontro com o presidente da instituição de ensino

Chefe do Executivo, Ho Iat Seng, num encontro com presidente da Universidade de Fudan, Xu Ningsheng, durante visita a Xangai.

O Chefe do Executivo, Ho Iat Seng, teve, hoje (5 de Junho), um encontro com o presidente da Universidade de Fudan, Xu Ningsheng, inserido na sua visita a Xangai, no qual abordaram temas como a formação de quadros qualificados de Macau e a promoção de intercâmbios e cooperação entre as respectivas instituições de ensino superior.

O Chefe do Executivo começou por fazer um ponto de situação sobre o rumo do desenvolvimento económico da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) e os resultados eficazes das medidas de prevenção e combate à pandemia. E referiu que a RAEM, com o apoio do país, conseguiu alcançar bons resultados em termos de desenvolvimento socioeconómico e, no futuro, vai empenhar-se para integrar a conjuntura do desenvolvimento nacional, direccionando-se para quatro grandes indústrias, nomeadamente da saúde, financeira, tecnológica e cultural. No que concerne à prevenção e combate à epidemia, indicou que, com o suporte do país e os esforços de toda a população, a RAEM conseguiu obter resultados positivos, não havendo registo de casos locais há 433 dias, pelo que é considerada uma cidade saudável.

Ho Iat Seng afirmou ainda que, com esta experiência de pandemia, o Governo da RAEM está cada vez mais ciente de que o desenvolvimento económico de Macau não pode depender apenas da indústria do jogo e do turismo, sendo, assim, indispensável uma mudança de rumo para um desenvolvimento diversificado da economia, razão porque foram definidas as quatro importantes indústrias acima enumeradas. Contudo, notou que actualmente Macau peca pela carência de quadros qualificados para o efeito, sendo necessário um plano a longo prazo para a formação dos mesmos e considerou que a Universidade de Fudan, enquanto instituição de ensino superior proeminente na área, é um local adequado para essa formação, tendo já formado muitos quadros do país. O mesmo responsável sublinhou ainda que, neste momento, existem estudantes da RAEM a frequentar a instituição de ensino e fez votos para que esta continue a formar quadros que possam corresponder ao desenvolvimento económico de Macau.

Por sua vez, o presidente da Universidade de Fudan indicou que a RAEM desempenha um papel de grande relevo na integração na conjuntura do desenvolvimento nacional e enquanto cidade central da Grande Baía Guangdong – Hong Kong – Macau e plataforma de intersecção do desenvolvimento da economia nacional de “duplo ciclo”. Assim, deve acelerar o impulso da construção da zona de cooperação aprofundada Guangdong-Macau em Hengqin, e empenhar-se na participação activa no grande ciclo económico do país e na integração na conjuntura do desenvolvimento nacional, com a exploração contínua de uma nova situação para a concretização bem-sucedida do princípio “um país, dois sistemas”, com características de Macau.

Xu Ningsheng sublinhou ainda que o Chefe do Executivo, durante a sua estada na cidade para a participação na Semana de Macau em Xangai e primeira reunião de cooperação entre as duas regiões, arranjou ainda espaço na sua agenda para visitar a Universidade de Fudan, o que demonstra a grande importância que o Governo da RAEM atribui à instituição de ensino, sendo um marco importante para o início do intercâmbio e cooperação entre as partes. Notou, no entanto, que a universidade já tem uma ligação forte a Macau, com o número de alunos da RAEM a crescer a cada ano lectivo e totalizando já 140. Acrescentou que a Universidade de Fudan tem mantido ainda uma cooperação a vários níveis com as instituições de ensino superior da RAEM. Quanto ao futuro, adiantou que esta universidade irá continuar a aprofundar a colaboração com o Governo de Macau em diversos domínios, nomeadamente da saúde e vida da população, do desenvolvimento socioeconómico e do intercâmbio cultural.

Os membros da delegação da RAEM também trocaram e partilharam ideias com o presidente da Universidade de Fudan e os vários directores das respectivas faculdades, que envolveram temas relacionados com as áreas financeira, cultural, turística, económica e desenvolvimento da comunicação social.

Estiveram ainda no encontro, da delegação da RAEM, o secretário para a Economia e Finanças, Lei Wai Nong, a directora dos Serviços de Turismo, Helena de Senna Fernandes, o director dos Serviços de Economia e Desenvolvimento Tecnológico, Tai Kin Ip, a presidente do Instituto Cultural, Mok Ian Ian, a directora do Gabinete de Comunicação Social, Inês Chan, o director dos Serviços de Estudo de Políticas e Desenvolvimento Regional, Cheong Chok Man. Da parte da Universidade de Fudan, o vice-presidente da Universidade Fudan, Xu Lei, o director da biblioteca, Chen Sihe, o director da faculdade de jornalismo, Mi Bohua, o professor da faculdade de saúde pública, Jiang Qingwu, o director da faculdade de microelectrónica, Zhang Wei, a vice-presidente do Hospital Zhongshan, Qian Juying, a subdirectora do gabinete da universidade, Li Qian, o director do gabinete de construção de “primeira classe dupla”, Li Yuejiang, o director do gabinete para os assuntos de Hong Kong, Macau e Taiwan, Shen Guolin, o subdirector do gabinete para os assuntos de Hong Kong, Macau e Taiwan, Zhuang Hui. Também marcou presença no encontro, o subdirector do Gabinete para os Assuntos de Hong Kong e Macau do Governo Municipal de Xangai, Zhou Yajun.

Antes do encontro, o Chefe do Executivo e a delegação visitaram o pavilhão de história da Universidade de Fudan e conversaram com estudantes de Hong Kong e Macau a frequentar actualmente a instituição de ensino.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar