Registado em Macau o 55.º caso confirmado de COVID-19


Uma residente de Macau, proveniente do Reino Unido, chegou a Macau acusou, sábado (3 de Julho), positivo no resultado do teste de ácido nucleico e foi classificada como o 55.º caso confirmado de COVID-19 de Macau (caso importado).

Outro residente de Macau que também chegou a Macau, proveniente da Suíça, o resultado do teste de ácido nucleico deu positivo, mas tendo em conta que esta pessoa tinha sido confirmado no mês de Janeiro de 2021 como caso, foi temporariamente classificado como um caso de recaída.

A mulher proveniente do Reino Unido é residente de Macau, 22 anos de idade, estudante no Reino Unido, declarou nunca ter sido confirmada com a COVID-19 nem ter sido vacinada contra a COVID-19.

No dia 1 de Julho, o resultado de teste de ácido nucleico para a COVID-19 realizado no Reino Unido foi negativo. No dia 2 de Julho esta mulher partiu do Reino Unido, fez escala em Singapura, no dia 3 de Julho e chegou a Macau através de um vôo da SCOOT TR904 viajando no assento número 26D.

O caso de recaída é um residente de Macau, 24 anos de idade, sexo masculino, estudante na Suíça, foi confirmado a COVID-19 no mês de Janeiro de 2021. No dia 1 de Julho, o doente submeteu-se ao teste de ácido nucleico na Suíça, cujo resultado foi negativo. A 2 de Julho, partiu da Suíça, fez escada em Singapura, no dia 3 de Julho e chegou a Macau através de um vôo da SCOOT TR904 viajando no assento número 8D.

Actualmente, os dois doentes encontram-se em situação normal e já foram encaminhados para o Centro Clínico da Saúde Pública para diagnóstico e tratamento mais aprofundados.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar