Início do Programa Junior Professional Officer das Nações Unidas para apoiar a internacionalização dos jovens trabalhadores dos serviços públicos

O Comissário-Adjunto, Wang Dong, partilhou a situação de participação da China nos assuntos da ONU

Recentemente, o Comissariado do Ministério dos Negócios Estrangeiros da República Popular da China na RAEM (CMNE) e o Governo da RAEM deram início ao envio do 2.º grupo de formandos do Programa Junior Professional Officer (JPO) das Nações Unidas (ONU). Para o efeito, o CMNE e o SAFP organizaram, conjuntamente, no dia 20 de Outubro, uma sessão de apresentação online sobre o referido Programa, que teve como orador principal o Sr. Wang Dong, Comissário-Adjunto do CMNE e durante a qual Kou Peng Kuan, Director do SAFP proferiu um discurso.

Na sessão, o Comissário-Adjunto partilhou a situação de participação da China nos assuntos da ONU, bem como o estado actual e as perspectivas do Programa JPO, tendo encorajando os jovens trabalhadores, através do Programa, a contribuir para as causas nobres da ONU e promover a construção de uma comunidade de destino comum da humanidade, para contar ao mundo a história da aplicação com sucesso do princípio «um País, dois sistemas». Além disso, deixou ainda uma mensagem aos trabalhadores para que aproveitem a oportunidade da participação a nível internacional e revelou que o CMNE continuará, como no passado, a apoiar Macau na melhoria da capacidade diplomática e da formação de quadros qualificados, mediante a plataforma e os recursos multilaterais da ONU, entre outros.

O Director Kou Peng Kuan agradeceu ao Governo Central pela atenção e apoio na formação de quadros qualificados de Macau, tendo salientado que no ano passado, com o grande apoio do CMNE, mediante recomendação foi enviado o primeiro grupo de dois jovens trabalhadores dos serviços públicos de Macau, para desempenharem funções, respectivamente, na Organização Mundial de Turismo da ONU, em Madrid, Espanha e no Departamento de Comunicação Global do Secretariado da ONU, em Nova Iorque, Estados Unidos da América, deste modo, os jovens quadros profissionais de Macau participaram, pela primeira vez, no palco internacional da ONU, sendo um passo significativo alcançado na formação dos jovens quadros qualificados, bem como possui um significado extraordinário de incentivo à progressão e autoconfiança dos jovens de Macau.

O Programa JPO é um programa internacional de formação em serviço, segundo o qual cada País irá, conforme o acordo bilateral assinado com a ONU, recomendar a participação de jovens quadros profissionais para desempenharem funções no Secretariado ou outras entidadesda ONU e acumularem, sob orientação profissional, a experiência prática no âmbito de cooperação internacional multilateral. Actualmente, o envio do 2.º grupo de formandos do Programa JPO está a ser implementado de forma ordenada.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar