Relatório das Linhas de Acção Governativa para o Ano Financeiro de 2022– Conclusão


Senhor Presidente da Assembleia Legislativa,

Senhoras e Senhores Deputados,

Vivemos numa época onde coexistem dificuldades e oportunidades, uma época de muitos desafios, mas também de muita esperança. O mundo continua assolado pela pandemia, mas o Homem irá superá-la e ultrapassar as dificuldades. Temos de reforçar a nossa autoconfiança e, em união de esforços, avançar nas adversidades, com espírito pioneiro e empreendedor, a fim de criarmos um novo cenário para o desenvolvimento de Macau.

Devemos agarrar as oportunidades proporcionadas pelos grandes planos e medidas de apoio a Macau, consagrados no «Décimo Quarto Plano Quinquenal Nacional», tendo em vista a consolidação e elevação da competitividade de Macau e o reforço da sua integração na conjuntura do desenvolvimento nacional. Devemos tirar pleno proveito do estatuto especial e das vantagens próprias de Macau, maximizar as nossas potencialidades, capacidades e competitividade para servir as necessidades do País, e participar activamente na construção do novo padrão de desenvolvimento da «dupla circulação» económica do País, alcançando, assim, um novo patamar de desenvolvimento de Macau no grande palco do desenvolvimento nacional.

Devemos ter uma visão estratégica de futuro. Temos de garantir a efectiva implementação dos objectivos, tarefas e medidas consagrados no «Segundo Plano Quinquenal da RAEM», promovendo, com firmeza, o desenvolvimento adequado e diversificado da economia e proporcionando, assim, uma sólida base económica para a estabilidade e a segurança de Macau a longo prazo.

Devemos agarrar as oportunidades proporcionadas pela construção da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin, implementar as decisões do Governo Central, promover a construção da Zona de Cooperação Aprofundada em cumprimento da lei e de forma científica, eficiente, pragmática e ordenada, e envidar esforços para criação de um novo espaço propício ao empreendedorismo e emprego, à vida quotidiana e profissional dos residentes de Macau.

Continuaremos a prosseguir o conceito de governação baseada na construção conjunta, na partilha de frutos e nos interesses dos residentes. Envidaremos esforços para promover a melhoria da qualidade de vida da população, respondendo activamente às aspirações dos residentes através da adopção de adequadas soluções para os diversos problemas, designadamente a habitação, os transportes, os cuidados de saúde, a educação, o apoio a idosos e, em particular, a ajuda e apoio aos grupos mais vulneráveis, aumentando, assim, constantemente os sentimentos de realização e de felicidade dos residentes.

O desenvolvimento de Macau depende do esforço conjunto de toda a população. Sob a forte liderança do Governo Central, o Governo da RAEM, sem recear as dificuldades e em conjugação de esforços com a população, avançará com firmeza, autoconfiança e empenho no caminho do desenvolvimento. Juntos iremos ultrapassar as dificuldades e desafios e promover, constantemente, o desenvolvimento da RAEM, em todos os aspectos, abrindo um novo capítulo na implementação do princípio «um País, dois sistemas» com características de Macau, e prestando, assim, renovados contributos para a materialização do sonho chinês de grande revitalização da nação chinesa ao longo desta nova jornada histórica!

Por fim, gostaria de dirigir os meus sinceros agradecimentos a esta Assembleia Legislativa, a todos os residentes e aos trabalhadores dos serviços públicos, e agradecer, também, ao Governo Central e às suas instituições estabelecidas em Macau, o grande apoio que têm vindo a proporcionar ao desenvolvimento da RAEM!

Dou por terminada a minha intervenção.

Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados,

Os meus agradecimentos.



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar