O Dorian Wind Quintet dividirá o palco com Billy Childs, um dos principais compositores americanos, para interpretar a estreia mundial de Ecosystems e o regresso de A Day in the Forest of Dreams, estreada em 1997.

O Dorian Wind Quintet comissionou mais obras novas do que qualquer outro conjunto de sopro do género na história. É responsável por quase 40 encomendas a grandes compositores e estreou 98 novas composições. A sua encomenda do Quinteto de Sopros n.º4, de George Perle, ganhou o Prémio Pulitzer de Música em 1986, fazendo história por ser o primeiro Pulitzer atribuído a um quinteto de sopros.

Billy Childs recebeu 16 nomeações e cinco prémios Grammy: dois para Melhor Composição Instrumental, dois para Melhor Arranjo Acompanhando um Vocalista e um para Melhor Álbum Instrumental de Jazz. As suas colaborações orquestrais e de câmara incluem Esa-Pekka Salonen e a Filarmónica de Los Angeles, a Orquestra Sinfónica de Detroit sob a batuta de Leonard Slatkin, Kronos Quartet, entre outros.

Duração: Aproximadamente 1 hora e 45 minutos, incluindo um intervalo

Destaques do Programa
B. Childs: Ecosystems (Estreia Mundial)
B. Childs: A Day in the Forest of Dreams
(Sujeito a alterações)

Gretchen Pusch, Flauta
Gerard Reuter, Oboé
Benjamin Fingland, Clarinete
Adrian Morejon, Fagote
Karl Kramer-Johansen, Trompa
Billy Childs, Piano

Mais detalhes

Dorian Wind Quintet e Billy Childs


Conteúdo fornecido por: Instituto Cultural (IC)

Última actualização: 2019-10-08 21:50

Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar