No coração de cada um existe uma flôr selvagem forte e única, cuja vitalidade firme se pode libertar de todos os tipos de amarras, para se destacar entre os ignorantes e ser graciosa dentro dos constrangimentos. O coreógrafo holandês, Arthur Kuggeleyn, que se envolveu em apresentações teatrais e é conhecido pelo seu estilo psicadélico carregado de emoção, escreveu Flôr Silvestre para o Grupo de Dança e Teatro Jin Xing, de Xangai. Nessa obra, os dançarinos interpretam a existência tenaz de uma flôr selvagem através da dança e de movimentos ininterruptos em estilo rápido, desencadeando uma explosão de emoções que estavam há muito contidas.

O Grupo de Dança e Teatro Jin Xing é uma das principais companhias de dança moderna da China e há muito tempo está comprometido com a fusão da cultura tradicional chinesa com os estilos de dança ocidentais. Dadas as suas ideias marcantes e o sentido artístico, o Grupo de Dança e Teatro Jin Xing foi aclamado pela crítica como “uma peça importante na história da dança chinesa”.

Direcção Artística: Jin Xing
Coreografia: Arthur Kuggeleyn
Design de Illuminação: Wang Peng
Guarda-roupa: Jin Xing

Duração: Aproximadamente 1 hora e 10 minutos, sem intervalo
Com diálogos ocasionais em Mandarim e legendas em Chinês e Inglês

Mais detalhes

Flôr Silvestre


Conteúdo fornecido por: Instituto Cultural (IC)

Última actualização: 2021-03-24 16:29

Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar