Assinatura de memorandos de cooperação entre os sectores financeiros de Guangdong e de Macau Apoio indispensável à iniciativa «Uma Faixa, Uma Rota» e impulso à construção do projecto da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau

A AMCM e a Associação de Bancos de Macau visitaram a sucursal de Guangzhou do Banco Popular da China para promover a cooperação entre o sector financeiro das duas regiões vizinhas

Em ordem a promover os sectores financeiros de Guangdong e de Macau para dar resposta à iniciativa «Uma Faixa, Uma Rota» e a fim de prestar o apoio indispensável no impulso à construção do projecto da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, sob a coordenação activa da Autoridade Monetária de Macau (AMCM) e com o forte apoio da sede do Banco Popular da China, da sucursal de Guangzhou do Banco Popular da China e do “China Banking and Insurance Regulatory Commission Guangdong Bureau”, a Associação de Bancos de Macau assinou dois memorandos de cooperação, respectivamente, com a “Financial Society of Guang Dong” e com a “The Banking Association of Guangdong”, com a finalidade de aprofundar a cooperação e o intercâmbio financeiro entre as duas regiões vizinhas.

Os referidos “Memorandos de Cooperação” estabelecem o enquadramento e as orientações para a cooperação entre a Associação de Bancos de Macau, a “Financial Society of Guang Dong” e a “The Banking Association of Guangdong”. Na promoção da iniciativa «Uma Faixa, Uma Rota», bem como da construção do projecto da “Grande Baía”, serão estabelecidos mecanismos de comunicação e de intercâmbio de informações, que funcionem de forma regular, a realização de visitas mútuas de alto nível e de canais de intercâmbio profissional entre as instituições financeiras destas duas regiões, incentivando-se as instituições participantes a potenciar as suas prioridades e as suas vantagens, bem como, aproveitando as vantagens do papel de Macau como plataforma para prestação de serviços financeiros entre a China e os Países de Língua Portuguesa, a participarem no financiamento de projectos, em actividades relacionadas com as finanças verdes, e, ainda, a apoiar a RAEM na criação do Centro para a regularização das transacções em RMB para os Países de Língua Portuguesa.

A AMCM agradece o apoio da sede do Banco Popular da China, da sucursal de Guangzhou do Banco Popular da China e do “China Banking and Insurance Regulatory Commission Guangdong Bureau” e regista com apreço os esforços na cooperação do sector financeiro das duas regiões, que se concretizaram com a assinatura dos referidos “Memorandos de Cooperação” e acredita que, através da cooperação entre os sectores financeiros destas regiões, as vantagens de Macau como plataforma para prestação de serviços financeiros entre a China e os Países de Língua Portuguesa serão potenciadas, criando-se novos apoios e novas oportunidades para promover o financiamento da iniciativa «Uma Faixa, Uma Rota», a construção do projecto da “Grande Baía” e o desenvolvimento do sector financeiro de Macau com características próprias.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar