Gripe activa em Macau – Serviços de Saúde apelam ao reforço da prevenção

Nos últimos dias os Serviços de Saúde registaram diversos casos relacionados com infecções colectivas de gripe nas escolas. Os resultados dos testes laboratoriais do vírus revelaram que estes são principalmente da gripe B o que indica que há uma grande actividade da gripe em Macau.

Perante esta dinâmica não esta descartada a hipótese de ocorrer um aumento da situação epidémica nos próximos tempos. A vigilância revela que a gripe - vírus influenza B – está a afectar essencialmente as crianças pelo que os Serviços de Saúde apelam que os residentes tenham cuidados redobrados na prevenção.

Os dados de monitorização hospitalar revelam que entre os utentes que ocorrem aos Serviços de urgência, nos últimos 3 dias, no CHCSJ 7,3% dos adultos manifestam gripe e nas crianças esse número atinge os 35,8%. No Hospital Kiang Wu 14,2% dos adultos atendidos nas urgências foram diagnosticados com gripe e no caso das crianças o número sobe para 48,3%. Estes números representam uma subida quando comparados com os números da semana anterior. Ou seja, há um forte actividade do vírus influenza B com um impacto significativo sobre as crianças. Os Serviços de Saúde estão a monitorizar a prevalência de doenças respiratórias em Macau.

Os Serviços de Saúde pretendem sensibilizar os residentes para adopção das medidas de prevenção que se seguem poderá diminuir a infecção da gripe e de outras doenças do tracto respiratório superior:

  1. Vacinar-se anualmente contra a gripe sazonal;
  2. Assegurar que todos os membros do agregado familiar têm um sono adequado, uma alimentação equilibrada e uma prática frequente de desporto;
  3. Manter o hábito de uma boa higiene pessoal e lavar frequentemente as mãos;
  4. Cobrir a boca e o nariz quando espirrar ou tossir, bem como manusear cautelosamente as secreções orais e nasais expelidas com um lenço de papel e deitá-lo num caixote de lixo com tampa e depois limpar imediatamente as mãos;
  5. Manter uma boa ventilação de ar e uma boa higiene ambiental;
  6. Evitar o deslocamento a locais lotados;
  7. Usar máscara no caso de ter sintomas de gripe, de necessitar de cuidar de doentes ou de recorrer a um hospital ou clínica;
  8. Em caso de indisposição, recorrer de imediato a um médico e permaneça em casa para descanso.

Para informações detalhadas, os interessados podem consultar o sítio electrónico dos Serviços de Saúde (http://www.ssm.gov.mo/csr/) ou ligar para a linha aberta de informações dos Serviços de Saúde (28 700 800)



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar