Exposição conjunta “Cidades artísticas, Criações primorosas” organizada pelo IPM, Universidade do Porto e Universidade de Aveiro reforça a cooperação sino portuguesa

Cerimónia inaugural "Cidades artística, criações primorosas" – Exposição conjunta luso-chinesa de obras de professores e estudantes dos institutos de arte;

Com o objectivo de promover a interacção cultural e artística entre a China e os Países de Língua Portuguesa, o Instituto Politécnico de Macau, em colaboração com a Universidade do Porto e a Universidade de Aveiro, realizou a exposição “Cidades artísticas, Criações primorosas”. Através da troca de opiniões e exposição das suas obras artísticas, os professores e alunos das três instituições de ensino superior mostram as características culturais e o encanto artístico exclusivos das respectivas três cidades. A entidade organizadora espera que, através da realização desta exposição e das actividades de partilha de criatividade, se possa construir uma ponte de convergência das culturas chinesa e portuguesa e desenvolver o papel de Macau como plataforma de intercâmbio e cooperação entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

A cerimónia de abertura da exposição conjunta “Cidades artísticas, Criações primorosas” de estudantes e professores das instituições de artes sino-portuguesas decorreu no dia 5 de Julho, às 17h30, na Galeria de exposição do edifício Meng Tak do Instituto Politécnico de Macau. Foi presidida por Cheng Wai Tong, Director substituto da Direcçãodos Serviços deTurismo, por Chan Kai Chon, Vice-Presidente do Instituto Cultural, por Lam Man Tat, Subdirector substituto da Direcção dos Serviços do Ensino Superior, pela Chu Miu Lai, Membro do Conselho de Administração do Fundo das Indústrias Culturais, pela Patrícia Ribeiro, Representante do Instituto Português do Oriente, pelo Professor Doutor António Modesto, em representação da Universidade do Porto, pelo Professor Doutor Gonçalo Gomes, representante da Universidade de Aveiro, pela Doutora Lei Ngan Lin, Vice-Presidente do Instituto Politécnico de Macau, pela Directora da Escola Superior de Artes do IPM, Professora Doutora Hsu Hsiu Chu e pela aluna Lei Wan Ting.

Lei Ngan Lin, Vice-Presidente do IPM, referiu no seu discurso que, no corrente ano celebrar-se-á o 20º aniversário do estabelecimento da RAEM e o 40º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre a China e Portugal. Para responder ao programa de “Art Macao” e ao“Festival deArtese Cultura entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, ambos organizados pelo governo de Macau, actuando este como plataforma de intercâmbio e cooperação entre a China e os Países de Língua Portuguesa e promovendo a interação e o intercâmbio cultural e artístico entre a China e a lusofonia, tendo o IPM, por isso, planeando e organizando, de forma minuciosa e em colaboração com a Universidade do Porto e a Universidade de Aveiro, a Exposição Conjunta de Professores e Estudantes das Instituições de Arte Luso-Chinesas que faz parte das actividades de “MPI ART-VENTURE”. A exposição “Cidades artísticas, Criações primorosas” tem como alicerces o intercâmbio cultural entre a China e os Países de Língua Portuguesa, na qual serão introduzidas mais conotações artísticas, abrindo assim um novo capítulo histórico para o fortalecimento e da amizade entre a China e os Países de Língua Portuguesa e para o futuro do desenvolvimento da arte humanista de Macau.

Para reforçar o intercâmbio entre as três instituições de ensino superior expositoras, durante a exposição foram ainda realizados dois workshops de intercâmbio e partilha de experiências, presididos pelos representantes da Universidade do Porto e da Universidade de Aveiro. Estas actividades contaram com a presença de alunos do curso de Artes Visuais e de Design da Escola Superior de Artes do Instituto Politécnico de Macau, que partilahram e discutiram as suas opiniões sobre as obras.

As obras expostas na “Cidades artísticas, Criações primorosas” são ricas e diversificadas, e incluem gravuras e outras formas de expressão, como pintura, design gráfico, criação audiovisual multimédia e obras de arte tridimensional, entre outras. A exposição decorre entre 5 de Julho e 14 de Agosto, das 09:00 às 18:00, e está patente no campus principal do Instituto Politécnico de Macau, estando as obras de arte expostas na Galeria de Exposição do Edifício Meng Tak, Galeria Lam Kan, Pátio do Edifício Chi Un e Galeria Xinghai, entre outros. Todos os interessados são bem-vindos.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar