Prosseguimento das acções de fiscalização da execução das medidas de prevenção e controlo da epidemia nos casinos reabertos

Execução da medida de medição de temperatura corporal

Os casinos da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) retomaram faseadamente a actividade a partir de 20 de Fevereiro. Até 9 de Março registou-se a reabertura de 38 casinos; apenas 1 casino não apresentou pedido para retomar a actividade e 2 casinos mantêm-se a suspensão concedida anteriormente à situação epidémica. Foram registados o reinício de exploração de 3.100 mesas de jogo o que corresponde a 46% do número de mesas de jogo existentes. A Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos (DICJ) vai prosseguir a execução com rigor e durante 24 horas o mecanismo de fiscalização, nomeadamente efectuar a inspecção rigorosa nos casinos no âmbito da execução das orientações de prevenção e controlo da epidemia definidas pelos Serviços de Saúde (SSM), para salvaguardar a segurança e a saúde física dos trabalhadores e clientes que se encontram nos casinos.

De acordo com a avaliação de risco para a reabertura dos casinos, efectuada pelo Governo da RAEM, os casinos são obrigados a adoptar as seguintes medidas para fortalecer a eficácia das medidas de prevenção e controlo da epidemia, nomeadamente o cumprimento das condições estabelecidas para a entrada nos casinos, tais como a medição da temperatura corporal dos trabalhadores e dos clientes nas entradas, o uso de máscara de protecção respiratória, o preenchimento da declaração de saúde, o impedimento da entrada nos casinos de indivíduos que nos últimos 14 dias tenham estado na província de Hubei, o reforço da limpeza e desinfecção das instalações, o ajustamento da distância e da disposição das mesas de jogo e das máquinas de jogo, a desinfecção das fichas de jogo antes de serem colocadas nas prateleiras de fichas, os petiscos fornecidos aos clientes deixem de ser servidos nas mesas de jogo dos casinos, e o cumprimento das orientações dos SSM no âmbito das medidas de prevenção e controlo da epidemia destinadas aos trabalhadores.

Desde a reabertura dos casinos em 20 de Fevereiro, até ao presente momento, a DICJ tem levado a cabo várias acções de fiscalização em casino, tendo detectado e dado acompanhamento a 28 casos de falta de cumprimento às orientações dos SSM, designadamente aglomeração de clientes, fornecimento de máscaras de protecção respiratória e desinfectantes, distância e disposição das mesas de jogo e dos assentos, a não utilização de máscaras por clientes nos casinos; e atendido 9 queixas, as quais foram todas dadas acompanhamento e tratadas.

A DICJ irá continuar a reforçar as acções de fiscalização da execução das medidas de prevenção e controlo da epidemia em casino, no sentido de assegurar as boas condições de higiene e a segurança nos casinos.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar