Secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Elsie Ao Ieong U e representantes do Governo da RAEM assistem por videoconferência à abertura da 73.a Assembleia Mundial de Saúde, como membros da delegação da China

Secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Dr.a Elsie Ao Ieong U em conjunto com os representantes do Governo da RAEM participam porvideoconferência na cerimónia de abertura da 73.ª Assembleia Mundial de Saúde

A 73.ª sessão da Assembleia Mundial da Saúde decorre nos dias 18 e 19 de Maio, através de videoconferência e o Presidente Nacional da China, Xi Jinping, e vários chefes do Estado foram convidados para proferirem discursos inaugurais e que tiveram a presença, por videoconferência, da Secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Elsie Ao Ieong U, o Director dos Serviços de Saúde, Dr. Lei Chin Ion, o Assessor do Gabinete da Secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Dr. Lo Iek Long e o Chefe do Centro de Prevenção e Controlo da Doença, Dr. Lam Chong na qualidade de membros da delegação da China.

No discurso inaugural o Presidente Nacional da China, Xi Jinping apresentou um discurso intitulado “Unir e cooperar para superar a epidemia e construir, em conjunto, uma comunidade de saúde e higiene humanas” onde destacou que, face à epidemia de COVID-19, a mais grave emergência mundial em saúde pública desde o termo da 2.a Guerra Mundial, a população de todos os países avançaram de forma corajosa e houve uma ajuda mutua para superar tempos difíceis. A China insiste no conceito de “melhor servir a população e respeitar à vida” mantendo, sempre, uma atitude aberta, transparente e responsável e defendendo o conceito para contruir uma comunidade de destino humano, para além de ser responsável pela segurança da vida e saúde física do seu povo, mas também pelo interesse da saúde pública global.

O Presidente Xi Jinping indicou que a epidemia ainda está a alastrar-se por todo o mundo e é necessário um grande esforço na prevenção e no controlo. Temos que fazer o possível para prevenir e controlar a epidemia, dar um papel pleno ao papel de liderança da OMS, aumentar o apoio aos países africanos, fortalecer a governança da saúde pública global, restaurar o desenvolvimento económico e social e fortalecer a cooperação global.

A este propósito o Presidente da Republica Popular da China, Xi Jinping, anunciou as cinco principais medidas da China para promover a cooperação global contra a epidemia, apelando que todos os países devem se unir para construir uma comunidade de saúde humana.

A Secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, Dr.a Elsie Ao Ieong U considerou que é de grande importância partilhar a experiência da prevenção e controlo de epidemia por meio de videoconferências, fortalecer intercâmbios e cooperação internacionais, responder em conjunto e controlar a epidemia ao lidar com pandemia causada pelo COVID-19. Também é muito valioso que Governo da RAEM possa definir estratégias de prevenção e controlo de epidemia.

A Assembleia Mundial da Saúde é o mais alto órgão de decisão da Organização Mundial de Saúde, cujas principais funções são determinar as políticas da OMS, nomear o Director-Geral, supervisionar as políticas financeiras, bem como rever e aprovar os planos de planeamento e orçamento.

A Assembleia Mundial da Saúde realiza-se entre 18 a 19 de Maio em Genebra, na Suíça para analisar o relatório de trabalho do Director-Geral da Organização Mundial da Saúde, o Orçamento da OMS, o trabalho antiepidémico dos Estados membros da OMS e a cooperação internacional, entre outros temas. Afectados pela pneumonia causada pelo COVID-19, os 194 representantes de estados membros da OMS discutiram diversos assuntos por videoconferência.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar