Resposta do Gabinete do Secretário para a Segurança ao Relatório do Comissariado Contra a Corrupção


Relativamente ao Relatório de Actividades de 2019 do Comissariado contra a Corrupção (CCAC) de Macau no qual se revela a suspeita da prática de actividades ilícitas por parte da Polícia, o Secretário para a Segurança presta elevada atenção ao caso e tendo exortado de imediato todos os serviços no sentido de reforçarem o conhecimento e o cumprimento da lei nas áreas da gestão interna e do pessoal. Entretanto, foram iniciadas investigações contra os envolvidos nos termos da lei e de forma rigorosa. Mais, reitera que não são tolerados quaisquer actos que violem a lei e a disciplina e serão aplicadas as devidas medidas legais se os factos forem comprovados. A PJ e o CPSP já instauraram processos disciplinares contra os envolvidos e as últimas informações serão publicadas oportunamente na coluna “Alarme sempre soa” da página electrónica do Gabinete do Secretário para a Segurança.

O Secretário Wong Sio Chak salienta que os agentes das forças e serviços de segurança desempenham missões e responsabilidades públicas, nomeadamente, manutenção da ordem pública, garantia da estabilidade de segurança na sociedade, protecção da vida e dos bens dos cidadãos, bem como é seu dever cumprir com rigor a lei e dar maior importância às próprias condutas. Mais exige que os seus serviços subordinados tomem este caso como um exemplo, fortalecendo as ordens e a educação de integridade da polícia, bem como exorta a que efectuem uma revisão profunda sobre os mecanismos de gestão interna e de monitorização.

A Secretaria para a Segurança e os serviços da sua tutela vão reforçar a cooperação com o CCAC, estudaremos com rigor e aceitaremos as sugestões de melhoria apresentados pelo CCAC. Em simultâneo, é bem-vinda a fiscalização da sociedade e do público sobre o pessoal das forças e serviços de segurança, sendo que no caso de encontrarem quaisquer actos que violem a lei e a disciplina, podem participar imediatamente junto do respectivo serviço ou do Gabinete do Secretário para a Segurança, para que as autoridades de segurança possam proceder ao tratamento atempado e justo, envidando esforço na salvaguarda da imagem positiva e de reputação da equipa policial.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar