Lançada a revista “O Consumidor” n.º 326, disponível também na página electrónica do Conselho de Consumidores

“O Consumidor” n.º 326

De acordo com uma investigação realizada pelo Conselho de Consumidores (CC), mais de 60% dos inquiridos passam 2 a 8 horas por dia a navegar na Internet em casa, enquanto 2 a 4 membros da família se ligam à internet simultaneamente em casa. Portanto, um roteador adequado, com bom funcionamento e sinal estável é essencial para os consumidores acederem à internet. Nesse sentido, a divulgação de informações sobre o roteador pode ajudar os consumidores a fazer melhor decisão de consumo.

A fim de tornar o teste de roteadores mais próximo das exigências dos consumidores e dos pontos a que prestam maior atenção em relação ao dito produto, o CC levou a cabo um inquérito através duma plataforma de redes sociais, cujo resultado mostra que, na escolha de roteador, as especificações são o factor que mais importa aos consumidores, sendo seguidas pela marca e pelo preço. Por outro lado, os inquiridos preocupam-se com a dúvida de se a radiação afecta a saúde, assim como com a protecção das informações e dados pessoais e a segurança do produto.

Como acima referido, o relatório da investigação serviu de linhas orientadoras para a realização do teste de roteadores. Os leitores interessados nesse assunto podem ler a revista “O Consumidor” n.º 326.

Consultar a informação nutricional no rótulo dos produtos alimentares

Existem diferentes formas de indicação dos teores de nutrientes na etiqueta nutricional dos produtos alimentos pré-embalados, como podem ser indicados por 100g de peso ou por porção de consumo. Contudo, como se calculam esses valores? Qual é a diferença entre o sódio e o sal? Nesta edição da revista “O Consumidor”, os consumidores podem conhecer as formas de indicação dos teores de nutrientes e aprender como se calculam, para ter uma alimentação mais saudável.

Sistema de Lojas Certificadas celebra 20 anos

O CC lançou o sistema do símbolo de qualidade de Loja Certificada em 2001. O CC empenha-se em garantir a qualidade das Lojas Certificadas através do mecanismo de supervisão e avaliação, para que prestem melhores serviços aos consumidores. O sistema de Lojas Certificadas tem vindo a ser optimizado, tornando-se num elemento para a criação do ambiente de consumo confiável e de qualidade em Macau. A revista “O Consumidor” n.º 326 publicou uma retrospectiva e expectativas sobre o sistema do símbolo de qualidade de Loja Certificada.

Chamada atenção às dicas de consumo para se proteger melhor

Crê-se que os consumidores conhecem a expressão “período de reflexão”, mas será que sabem qual é a definição da mesma na legislação em vigor? Para conhecer mais sobre esta matéria, os consumidores podem ler as dicas de consumo publicadas nesta edição da revista “O Consumidor”, que também apresentou as actividades desencadeadas pelo CC no terceiro trimestre.

Os consumidores agora podem visualisar a revista “O Consumidor” n.º 326 na página electrónica do CC (www.consumer.gov.mo) e na sua conta de WeChat, bem como obter a revista em suporte de papel na sede do CC, sita no Edifício Clementina Ho, Av. Horta e Costa n.º 26, no posto de atendimento ao público do CC situado na Rua Nova da Areia Preta, Centro de Serviços da RAEM, 1.º andar, Zona M, no Centro de Informações ao Público situado na Rua do Campo, Vicky Plaza, nas bibliotecas que funcionam sob a tutela do Instituto Cultural, na Sala de Leitura da Associação Comercial de Macau ("Biblioteca Octogonal") e na Plaza Cultural Macau.

Linha aberta do CC: 8988 9315.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar