Maior número diário de visitantes na véspera da Passagem de Ano

Jovens visitantes tiram fotografias e selfies nas Ruínas de S. Paulo

Dada a situação epidémica basicamente estável tanto no Interior da China como em Macau, aliada ao reforço dos esforços de promoção da Direcção dos Serviços de Turismo (DST) em sintonia com a retoma da emissão de documentos de viagem turísticos a residentes do Interior da China para deslocação a Macau e na divulgação de Macau como destino seguro e acessível, a par com o impacto das festividades, entre 31 de Dezembro passado e 3 de Janeiro deste ano, na véspera da Fraternidade Universal, a média diária de visitantes de Macau ultrapassou 21 mil pessoas, e a taxa média de ocupação hoteleira foi mais de 67 por cento. Sendo que, na véspera da Passagem de Ano, dia 31 de Dezembro, registou-se um total de 30 mil entradas (30.747), representando o maior número de visitantes acolhidos num só dia nos últimos 11 meses.

Média diária de visitantes sobe mais de 13 por cento comparada com Outubro

Entre 31 de Dezembro do ano passado e 3 de Janeiro deste ano, a média diária de visitantes de Macau foi de 21.242 pessoas. A média diária de entradas de visitantes do Interior da China foi de 19.629, de Hong Kong, da região de Taiwan e internacionais foi de 1.368, 242 e 3 pessoas, respectivamente.

Entradas de visitantes

Média diária no período da Passagem de Ano

(31/12/2020-3/1/2021)

Variação da média diária dos visitantes

(Em comparação com a média diária de Dezembro)

Variação da média diária dos visitantes

(Em comparação com a média diária de Novembro)

Variação da média diária dos visitantes

(Em comparação com a média diária de Outubro)

Total de visitantes de Macau

21.242

-1,0%

+0,1%

+13,1%

Fonte: Direção dos Serviços de Estatísticas e Censos (DSEC) para os dados de Outubro e Novembro; Corpo de Polícia de Segurança Pública (CPSP) para os dados de Dezembro

De acordo com dados provisórios do CPSP, na véspera da Passagem de Ano, dia 31 de Dezembro de 2020, o número de entradas de visitantes foi de 30.747, sendo o número diário mais elevado nos últimos 11 meses. O segundo dia com mais visitantes foi a 20 de Novembro, dia de treinos do Grande Prémio de Macau, que atingiu 28.247 visitantes, enquanto o terceiro dia com mais visitantes foi no dia 25 de Dezembro, dia de Natal, que atingiu 27.755 visitantes.

Parte dos hotéis marcaram taxas de ocupação acima dos 70 por cento

De acordo com dados fornecidos pelos operadores turísticos, entre 31 de Dezembro passado e 3 de Janeiro deste ano, a taxa média de ocupação dos estabelecimentos hoteleiros (hotéis e pensões) foi de 67,2 por cento, com os hotéis de três a cinco estrelas a registarem taxas de ocupação de 73, 69,9 e 67,6 por cento, respectivamente.

Taxa de ocupação hoteleira

Média diária no período da Passagem de Ano (31/12/2020-3/1/2021)

Variação em pontos percentuais

(Em comparacão com Dezembro)

Variação em pontos percentuais
(Em comparacão com Novembro)

Variação em pontos percentuais
(Em comparação com Outubro)

Total

67,2%

+15,1

+23,3

+27,4

5 estrelas

67,6%

+18,0

+26,1

+28,5

4 estrelas

69,9%

+9,4

+21,1

+29,4

3 estrelas

73,0%

+11,6

+17,9

+23,6

2 estrelas

38,1%

+6,5

+14,2

+18,2

Pensões

43,3%

+9,2

+9,2

+14,9

Fonte: DSEC para os dados de Outubro e dados provisórios de Novembro; Dados provisórios fornecidos à DST pelos estabelecimentos para os dados de Dezembro passado e Janeiro 2021

Os estabelecimentos hoteleiros (hotéis e pensões) registaram entre 31 de Dezembro passado e 3 de Janeiro deste ano uma média de preços por quarto de cerca de 1.127,6 patacas, sendo que os hotéis de cinco estrelas marcaram uma média de preços de cerca de 1.447,7 patacas; os de quatro estrelas de cerca de 701,1 patacas; os de três estrelas de cerca de 694,2 patacas; os de duas estrelas de cerca de 250,3 patacas; e as pensões de cerca de 243,9 patacas. Comparativamente com a semana dourada de Outubro, o preço médio por quarto significou uma subida de 7,6 por cento.

Preços por quarto (Patacas)

Categoria dos estabelecimentos hoteleiros

Média diária no período da Passagem de Ano

(31/12/2020-3/1/2021)

Taxa de variação

(Em comparação com Dezembro)

Taxa de variação

(Em comparação com Novembro)

Taxa de variação (Em comparação com Outubro)

Total

1.127,6

+21,7%

+25,6%

+7,6%

5 estrelas

1.447,7

+20,3%

+21,1%

+6,2%

4 estrelas

701,1

+34,2%

+49,9%

+35,7%

3 estrelas

694,2

+22,0%

+25,0%

+4,1 %

2 estrelas

250,3

+23,4%

+15,2%

+6,6%

Pensões

243,9

+34,2%

+41,1%

+29,3%

Fonte: Dados provisórios fornecidos pelos estabelecimentos hoteleiros à DST

Prosseguir com promoção para atrair visitantes durante férias e festividades

Desde o ano passado, o Governo da Região Administrativa Especial de Macau tem colaborado com a Tencent, Alibaba, Trip. com, UnionPay International e a Air Macau na divulgação de informações e descontos, para atrair visitantes a Macau, encorajar o dispêndio turístico, prolongar o tempo de estadia na cidade, impulsionado economicamente os diferentes sectores.

Com a retoma da emissão de documentos de viagem turísticos a residentes do Interior da China para deslocação a Macau, a DST tem continuado a reforçar a promoção nas plataformas das redes sociais, incluindo Douyin, Xiaohongshu, Weibo, WeChat, Mafengwo, entre outras, e realizado vivos com influenciadores digitais. A DST abriu ainda, no ano passado, conta oficial no Xiaohongshu e Douyin para ir ao encontro dos hábitos de uso das redes sociais dos residentes do Interior da China. Foram também convidados influenciadores de turismo para visitas de familiarização a Macau, para ajudar a divulgar a imagem de Macau como destino seguro e acessível. Ao mesmo tempo, a DST tem cooperado com agências de viagens online, para promover produtos turísticos de Macau a tarifas especiais.

A DST prossegue com iniciativas de divulgação diversificadas para reforço do impacto promocional, incluindo a Semana de Macau em Pequim, o Carnaval para Desfrutar Macau, a plataforma electrónica de promoções “Macau Ready Go”, e a realização de 60 vídeos sobre temas ligados ao turismo de Macau, divulgando simultaneamente informações sobre Macau como cidade segura, para recuperar a confiança em viajar, encorajando mais visitantes do Interior da China a visitarem Macau em férias e festividades, impulsionando a recuperação do turismo local.

Ao mesmo tempo, mediante diferentes canais, a DST tem procurado informar os visitantes sobre as várias informações referentes à pandemia e medidas de prevenção, incluindo através divulgação de “Dicas de prevenção da pandemia para visitantes do Interior da China em Macau” nos ecrãs televisivos do hall do posto fronteiriço de Gongbei; da divulgação de orientações de prevenção contra a pandemia na página electrónica da DST; da exibição de informações de prevenção epidémica nos balcões de Informações Turísticas nos postos fronteiriços; do apelo à necessidade da tomada de medidas de prevenção na conta da DST no WeChat e Weibo; da produção de imagens gráficas “Dicas de prevenção da pandemia para visitantes do Interior da China em Macau” e de panfletos, distribuídos nos balcões de Informações Turísticas da DST. Os estabelecimentos hoteleiros e entidades ligadas ao turismo também continuam a prestar apoio na disseminação de informações de prevenção contra a pandemia aos visitantes. De acordo as mais recentes orientações relativas aos hotéis designados para observação médica, foram também produzidos panfletos relacionados para distribuição no autocarro da Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau e voos com destino a Macau, e divulgação na página electrónica da DST, para actualização dos visitantes e residentes de Macau sobre informações relevantes.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar