IPM participou na Conferência Anual da Language Big Data Alliance (LBDA) para apoiar a construção de tecnologias criativas internacionais na Grande Baía

O IPM participou na conferência anual da LBDA para apoiar a construção de tecnologias criativas internacionais na Grande Baía

A Conferência Anual da LBDA, de 2020, com o tema “Assumir a missão a partir da capacitação em tecnológica”, foi realizada online, a 27 de Dezembro, contando com a participação de mais de 130 dirigentes, especialistas e académicos, das áreas da educação, ciência e tecnologia. Presidiu à Conferência a Vice-Presidente da Global Tone Communication Technology Co., Ltd., Zhang Xiaodan, e nela discursou Huang Youyi, Co-Presidente da LBDA, ex-Vice-Presidente da China Foreign Languages Publishing Administration e Coordenador da Comissão Nacional de Orientação da Educação para Pós-Graduados na Área da Tradução. O Instituto Politécnico de Macau (IPM), enquanto membro do Conselho da Aliança e uma das instituições promotoras da LBDA, também participou neste evento.

Foram conferencistas no evento a Vice-Presidente do IPM, Lei Ngan Lin; a Vice-Reitora da Beijing International Studies University, Cheng Wei; a Sub-Directora da School of Foreign Studies, CUPL, Tian Linan; a Directora do Instituto de Tradução e Interpretação avançadas da Beijing Foreign Studies University, Ren Wen; o Sub-Director do Instituto de Pesquisa da Governança Nacional e da Ecologia da Opinião Pública da Renmin University of China, Li Biao; e a Vice-Presidente da Global Tone Communication Technology Co., Ltd., Chai Ying.

Na sua intervenção, Huang Youyi afirmou que a mudança centenária em que nos encontramos actualmente precisa de talentos de tradução e interpretação numa perspectiva prática. Desta forma, tomando como exemplo algumas traduções de notícias feitas dentro e fora do País, mostrou como a qualidade da tradução e da interpretação se relacionam com a prática constante, sendo esta a melhor formação. O conferencista referiu, ainda, que o ensino superior conferente de graus académicos estará sujeito a uma nova reforma, e que o “Projecto de Desenvolvimento da Educação de Pós-Graduados Profissionais (2020-2025)”, lançado este ano, dá maior importância ao aumento da qualidade dos cursos especializados de mestrado e ao aceleramento do desenvolvimento dos cursos especializados de doutoramento. Por isso, muitos docentes de tradução e interpretação desempenham cargos temporários, para aprofundarem o desenvolvimento das respectivas actividades práticas. Por outro lado, a elaboração conjunta dos materiais didácticos, entre outros, como uma forma de reforçar o relacionamento entre as entidades relevantes, deve merecer a devida atenção. Huang Youyi sublinhou, no final do seu discurso, que a reforma educativa do MTI deve prestar atenção à combinação com as necessidades sociais, como por exemplo, atender às necessidades dos órgãos partidários e governamentais e das empresas, etc.

Lei Ngan Lin salientou que, com o lançamento das “Linhas Gerais do Planeamento para o Desenvolvimento da Grande Baía Guangdong - Hong Kong - Macau”, a Grande Baía debate-se com uma série de necessidades linguísticas na sua construção e desenvolvimento, devido às suas características multi-linguísticas e escritas. O IPM, através da construção da “Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa na Grande Baía” e do plano de promoção de “Campus da Grande Baía”, pretende atrair talentos dos Países de Língua Portuguesa, para que se integrem no projecto do desenvolvimento da Grande Baía, assim elevando o nível de ensino e dos serviços linguísticos nesta Zona. Referiu, ainda, que o IPM, com base no “Centro de Investigação de Engenharia em Tecnologia Aplicada à Tradução Automática e Inteligência Artificial, Ministério da Educação”, tem-se centrado na investigação e no desenvolvimento dos serviços linguísticos. Tendo em conta a posição vantajosa de Macau, o IPM permite aprofundar ainda mais a cooperação com os membros da LBDA, para desenvolver o papel de Macau como “Plataforma entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, continuando a desenvolver os trabalhos de pesquisa científica e de tecnologias inovadoras mais avançadas no Mundo, assim apoiando a construção e o desenvolvimento do Centro Internacional de Inovação Científica e Tecnológica da Grande Baía Guangdong - Hong Kong - Macau.

Cheng Wei, Vice-Reitora da Beijing International Studies University, proferiu um discurso sob o tema “Reflexões sobre a formação de talentos de tradução e interpretação no contexto da construção de novas ciências humanas”, focando-se nas literacias científicas de tradutores e na capacitação das literacias técnicas. Quanto a Tian Linan, Sub-Directora da School of Foreign Studies, CUPL, que teve como tema o “Combate à epidemia nos termos da lei, e desenvolvimento da tradução e interpretação sem precedentes”, a conferencista partilhou as experiências dos docentes e dos alunos na área dos serviços de tradução e interpretação jurídica durante o período do combate à epidemia, apresentando as actividades organizadas pela Comissão Nacional de Tradução Jurídica e os contributos dos membros dessa Comissão durante o período do combate à epidemia no País. A Directora do Instituto de Tradução e Interpretação Avançadas da Beijing Foreign Studies University, Ren Wen, tomando como exemplo este Instituto, partilhou as suas experiências de como as técnicas profissionais podem ajudar o ensino e a investigação em tradução e interpretação, obtidas durante o período do combate à epidemia e no futuro até à era de pós-epidemia. O Sub-Director do Instituto de Pesquisa da Governança Nacional e Ecologia da Opinião Pública da Renmin University of China, Li Biao partilhou a sua experiência sob o tema “Mudança da direcção dos dados e informações de grande dimensão nos estudos da opinião pública na Internet”, focando-se nas aplicações das tecnologias de informação de megadados na monitorização da opinião pública na área da comunicação social. A Vice-Presidente da Global Tone Communication Technology Co., Ltd., Chai Ying, abordou o tema “Acções do combate à epidemia através de ciências e tecnologias - a responsabilidade da equipa nacional de tradução”, mostrando, mediante casos vivos, os meios tecnológicos que esta empresa tem usado para fornecer serviços linguísticos durante o combate à epidemia, a fim de contribuir para a luta contra a COVID-19.

No mesmo dia em que teve lugar a Conferência, realizou-se, de forma virtual, a Sessão do Conselho da Aliança da LBDA 2020. O Co-Presidente da LBDA, ex-Vice-Presidente da China Foreign Languages Publishing Administration e Coordenador da Comissão Nacional de Orientação da Educação para Pós-Graduados na Área da Tradução, Huang Youyi, e o Co-Presidente da LBDA, Secretário do Partido Comunista Chinês / Gerente Executivo da China Translation & Publishing Corporation e Presidente daGlobal Tone Communication Technology Co., Ltd., Huang Song, participaram nesta Sessão e proferiram discursos. O Secretário-Geral da LBDA, que é Gerente-Geral da China Translation & Publishing Corporation e Vice-Presidente daGlobal Tone Communication Technology Co., Ltd., Yu Yang, fez o balanço dos trabalhos realizados em 2020 e apresentou o planeamento dos trabalhos de 2021. Neste evento, sete entidades editoras (People's Literature Publishing House, The Commercial Press, Foreign Languages Press, China Translation & Publishing House Co. Ltd., World Publishing Corporation, Sino-Culture Press e China Modern Publishing House Limited) foram aceites como novos membros da LBDA, no sentido de promover a partilhar a cooperação dos recursos das editoras e das instituições de ensino superior no âmbito LBDA. Com o desenvolvimento das tecnologias informáticas de megadados e da inteligência artificial, e com uma influência profunda da COVID-19, o sector dos serviços de tradução/interpretação está a enfrentar novas mudanças e desafios. A LBDA, como uma aliança global de aplicação de estudos científicos multi-sectorial e multi-linguística construída com base no desenvolvimento e na utilização conjunta de recursos de megadados, desempenha um papel muito importante tanto para acelerar o abraço das novas tecnologias de instituições de ensino superior e empresas que tenham cursos ou negócios relacionados com línguas, como para a transformação, a actualização e o desenvolvimento de alta qualidade de sectores com capacitação.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar