Os serviços de pagamento agregado serão lançados no primeiro trimestre do ano corrente A AMCM apresentou aos comerciantes as formalidades concretas

Sigla de "Simple Pay"

A Autoridade Monetária de Macau (AMCM) encontra-se a coordenar com as instituições financeiras no sentido de lançar os serviços de “pagamento agregado”- “Simple Pay”. Na primeira fase, será concretizado o “pagamento agregado através da apresentação do “QR-Code” do consumidor”, os comerciantes podem utilizar um terminal que aceita todos os meios de pagamento existentes em Macau e apresentados neste formato, enquanto os residentes podem escolher livremente qualquer um dos instrumentos de pagamento em “QR-Code” para pagamento. Com vista a permitir aos comerciantes conhecerem melhor as vantagens e as formalidades concretas do pagamento agregado, a AMCM e as instituições financeiras organizaram conjuntamente uma “Sessão de apresentação de pagamento agregado” hoje (dia 5).

Na apresentação, os representantes da AMCM salientaram que os comerciantes que aceitam, actualmente, os meios de pagamento localmente existentes e apresentados em “QR code”, podem actualizar o serviço de pagamento disponível, mediante uma simples substituição do antigo acordo de prestação de serviços, das actuais máquinas e dos próprios “softwares”, a acompanhar pelas instituições financeiras que facultam as actuais máquinas. Após a respectiva actualização, pode continuar a ser utilizado o modelo de operação actual.

Presentemente, as instituições financeiras encontram-se a contactar com os comerciantes, de modo a actualizar o acordo de prestação serviços, as actuais máquinas, bem como os próprios “softwares”. Os comerciantes que efectuaram a actualização de “pagamento agregado” fixarão a sigla de “Simple Pay”, disponibilizada pelas instituições financeiras, num local visível, podendo os residentes optar livremente por qualquer um dos instrumentos de pagamento em “QR-Code” para pagamento, podendo também os turistas continuar a utilizar a “carteira do exterior”, mantendo inalterado o modelo de pagamento.

A sessão de apresentação em causa contou com o apoio da Direcção dos Serviços de Economia e do Conselho de Consumidores, com o objectivo de promover a participação de cerca de cem comerciantes, associações e representantes das empresas. Contou também com a presença dos representantes de cinco instituições financeiras, tendo respondido às perguntas relativas às formalidades concretas, colocadas pelos comerciantes. Nas situações em que os comerciantes e os residentes queiram esclarecer quaisquer dúvidas acerca dos serviços de “Simple Pay”, favor contactar com as respectivas instituições financeiras.

A AMCM acredita que, com o aumento da facilidade do pagamento, permite-se alargar os grupos de consumidores e estimular os actos de consumo, no sentido de aumentar o volume de negócios, bem como reduzir os procedimentos relativos ao requerimento de várias máquinas de pagamento, de modo a que seja melhorada a eficácia em termos da utilização do capital. Na próxima fase, lançar-se-á o “pagamento agregado efectuado através de “scan” de “QR-Code” da empresa”, ou seja, os residentes podem “scan” o “QR-Code” em suporte apresentado nas lojas, através de quaisquer meios de pagamento por leitura de QR lançados em Macau, para efeitos de pagamento. Prevê-se que seja lançado o “pagamento agregado efectuado através de “scan” de “QR-Code” da empresa” no primeiro trimestre do ano corrente.

Ver galeria

Anexos



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar