Continuidade de implementação de medida de prorrogação de reembolso para atenuar as dificuldades na epidemia

Continuidade de implementação de medida de prorrogação de reembolso para atenuar as dificuldades na epidemia

Para aliviar o impacto na economia derivado da pneumonia causada pelo novo tipo de coronavírus, o Fundo das Indústrias Culturais (FIC) implementa a segunda ronda de medida de apoio na propagação epidémica, com prorrogação de reembolso, para reduzir a pressão económica das empresas culturais e criativas, devido à desaceleração económica durante a disseminação epidémica.

O FIC tem acompanhado o desenvolvimento das empresas culturais e criativas de Macau, mantendo uma comunicação estreita com o sector. Tendo em conta o impacto derivado da pneumonia causada pelo novo tipo de coronavírus, causando dificuldade na operação do sector, em 2020, o FIC implementou, em Março do ano passado, a medida de prorrogação de reembolso, beneficiando um total de 64 empresas culturais e criativas financiadas.

Contudo, a epidemia continua a afectar a situação económica global de Macau e considerando as empresas culturais e criativas estão ainda em tempos difíceis de operação, o FIC continua a implementar, este ano, a nova ronda de medida de apoio na propagação epidémica, visando ajudar as empresas culturais e criativas, concedidas apoio na modalidade de empréstimos sem juros, a aliviar as dificuldades financeiras, adiando o reembolso de prestações no ano de 2021, até 2022. Os destinatários desta medida incluem também as empresas culturais e criativas que já foram beneficiadas da prorrogração de reembolso no ano passado, prevendo o número total de 85 empresas beneficiárias, com um montante envolvido de empréstimos sem juros de cerca de 39 milhões de patacas.

O FIC irá, por sua iniciativa, contactar as empresas culturais e criativas financiadas que reúnem condições, para tratar dos arranjos sobre a prorrogação de reembolso, não necessitando a apresentação de requerimento à respectiva medida. Para inquéritos, é favor contactar o FIC, através do n.º de telefone (2850 1000), ou correio electrónico (info@fic.gov.mo).

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar