“Cooperação e Inovação: Conferência Anual 2021 da Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa na Grande Baía”, em formatos online e presencial, organizada pelo IPM

"Cooperação e Inovação: Conferência Anual 2021 da Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa na Grande Baía", em formatos online e presencial, organizada pelo IPM.

Por altura do segundo aniversário do lançamento das "Linhas Gerais do Planeamento para o Desenvolvimento da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau", o Instituto Politécnico de Macau (IPM), a Universidade de Estudos Estrangeiros de Guangdong (GDUFS) e o Instituto de Educação Profissional e Contínua da Universidade de Hong Kong (HKUSPACE) organizaram em conjunto a conferência "Cooperação e Inovação: Conferência Anual 2021 da Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa na Grande Baía", que se realizou no dia 30 de Março, numa combinação dos formatos online e presencial. Durante a Conferência, as três instituições envolvidas tiveram uma discussão aprofundada sobre as oportunidades geradas pelo desenvolvimento do ensino da língua portuguesa na Grande Baía, planeando, através da troca de opiniões, uma combinação das disciplinas com mais-valias das três partes para a formação de talentos, a inovação em investigação científica, a cooperação em educação na Grande Baía, a inovação e o desenvolvimento. Os especialistas e académicos que participaram na Conferência estabeleceram uma comunicação e interacção activa, contribuindo também com as suas opiniões e sugestões. O IPM espera que através da sua cooperação com as instituições de ensino superior da Grande Baía seja possível aproveitar bem as vantagens da Plataforma de Macau para a cooperação entre a China e os Países de Língua Portuguesa, tendo como ponto de partida a Grande Baía para uma promoção mais activa da sua ligação com os países de língua portuguesa, de forma a alcançar uma nova etapa da cooperação académica entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

Durante a Conferência Anual 2021 da Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa da Grande Baía, o Reitor da GDUFS, Dr. Shi Youqi, proferiu um discurso, considerando que a construção da Grande Baía é uma iniciativa importante na nova era para promover um novo padrão de desenvolvimento de promoção mútua de ciclos duplos – domésticos e internacionais. A Grande Baía tem exigências bastantes elevadas na formação de talentos, quer seja na área industrial ou do consumo, do comércio ou da inovação. E com os impactos duplos resultantes da epidemia e das grandes mudanças, não vistas em um século, há que continuar com a reforma e a inovação, reforçando a cooperação e o intercâmbio, prosseguindo no caminho do desenvolvimento nacional e, em consonância com esse desenvolvimento, dando o apoio à construção da Grande Baía. Para alcançar este objectivo, referiu o mesmo, é necessário: 1. Explorar e impulsionar a construção dos "Campus Digital da Grande Baía" e "Campus Móvel da Grande Baía"; 2. Explorar o modelo "Português+" para a formação de talentos de alto nível, interdisciplinares e internacionalizados; 3. Reforçar a cooperação e o intercâmbio e desenvolver a amizade com a comunidade de língua portuguesa. As três instituições vão trabalhar em conjunto para encontrar um caminho para a combinação, inovação, compartilha e desenvolvimento do ensino da língua portuguesa com características da Grande Baía.

O Vice-Presidente Executivo do HKUSPACE, Dr. Lo Shiu Hing, afirmou que a Conferência Anual tem um significado académico e um significado real, tendo reunido os especialistas de língua portuguesa da Grande Baía para troca de opiniões entre diferentes instituições e académicos em termos de ensino e aprendizagem, tendo ainda sido discutidas a cooperação e a inovação na Grande Baía na nova era. O desenvolvimento da Grande Baía é um plano nacional de grande importância. Macau e Hong Kong desempenham importantes papéis no desenvolvimento da educação e da economia da Grande Baía. Por outro lado, a Grande Baía também oferece uma plataforma muito importante para o intercâmbio entre o povo da China Meridional e os países de língua portuguesa. Portanto, é nesta perspectiva que a Conferência Anual da Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa na Grande Baía assume um significado especial, servindo como meio para reunir todos os professores, estudiosos e académicos da língua portuguesa, para em conjunto explorarem os caminhos de uma cooperação e inovação conjunta mais estreita, nos próximos cinco ou dez anos. O Vice-Presidente espera, futuramente, poder vir a liderar e a acompanhar os seus professores e alunos numa visita de investigação a Macau e a outras cidades da Grande Baía, de forma a enriquecer os seus conhecimentos sobre a cultura portuguesa e o respectivo estilo de vida.

O Professor Im Sio Kei, presidente do IPM, falando sob o enquadramento da "Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa na Grande Baía", referiu que o IPM planeia organizar neste ano uma série de actividades académicas, incluindo a realização do "Fórum Online para a Língua Portuguesa na Grande Baía e as cooperações académicas entre a China e os Países de Língua Portuguesa", um "Workshop para Professores da Língua Portuguesa na Grande Baía", acrescentando ainda que a “5.ª Edição do Concurso Mundial de Tradução Chinês-Português”, que este ano inclui o "Prémio Especial para Instituições de Ensino Superior na Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau", iniciativas estas que visam promover ainda mais o intercâmbio e a interacção dos professores e alunos da língua portuguesa das instituições na Grande Baía. O Presidente do IPM espera que a “5.ª Edição do Concurso Mundial de Tradução Chinês-Português” possa continuar a ter um grande apoio e participação activa das instituições cooperantes nesta Aliança. Além disso, Im Sio Kei espera que, através da "Aliança para o Ensino da Língua Portuguesa na Grande Baía", as forças vantajosas das instituições participantes das regiões de Guangdong, Hong Kong e Macau possam ser reunidas, no sentido de em conjunto promoverem significativos avanços no ensino superior nas três zonas da Grande Baía, podendo estas vir a assumir um papel orientador na cooperação do ensino superior na Grande Baía, dando contribuições para a promoção da integração das instituições da Grande Baía na Conjuntura do Desenvolvimento Nacional, e também para uma cooperação completa e mais aprofundada entre a Grande Baía e os Países de Língua Portuguesa.

Estiveram presentes nesta Conferência Anual: o Chefe do Gabinete para os Assuntos de Hong Kong, Macau e Taiwan da GDUFS, Dr. Ke Xiaohua, o Director da Faculdade de Direito da mesma Universidade, Dr. Chen Yunliang, a Coordenadora de Curso das línguas inglesa e europeias do HKUSPACE, Dra. Irene Lacasa, a Vice-Presidente do IPM, Doutora Lei Ngan Lin, o Coordenador do Centro Pedagógico e Científico da Língua Portuguesa, Prof. Zhang Yunfeng, o Coordenador do Centro Internacional Português de Formação em Interpretação de Conferência, Prof. Joaquim Carvalho e a Chefe do Serviço de Estudos e Coordenação de Assuntos do Instituto, Dra. Mok Sao In.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar