Reunião da Estrutura de Protecção Civil 2021

“Reunião da Estrutura de Protecção Civil 2021” realizada no Edifício do Serviço de Migração em Pac On

Decorreu na manhã do dia 9 de Abril, no Edifício do Serviço de Migração em Pac On, a “Reunião da Estrutura de Protecção Civil 2021”. Marcaram presença nessa reunião o Secretário para a Segurança e também Comandante de Acção Conjunta, Wong Sio Chak, o Comandante-geral dos Serviços de Polícia Unitários, Leong Man Cheong, e os membros da estrutura de protecção civil.

No uso da palavra, o Secretário Wong Sio Chak referiu que, em 2017, o Governo da RAEM deu início à revisão do sistema de prevenção e redução de desastres, tendo por base as instruções do Chefe do Executivo e as recomendações dos especialistas da Comissão Nacional para a Redução de Desastres. No entanto, os trabalhos de reforma da protecção civil foram desenvolvidos continuadamente, conseguindo aperfeiçoar passo a passo o sistema de protecção civil. Com o reforço dos equipamentos de emergência, a capacidade de prevenção e de resposta a desastres da estrutura de protecção civil viu-se melhorada significativamente.

Fazendo um balanço dos trabalhos da protecção civil do ano findo, o Secretário destacou a elaboração e a publicação da Lei n.o 11/2020 “Regime Jurídico de Protecção Civil”, para a qual as autoridades da segurança têm vindo a promover, desde Setembro do ano passado, através de canais diversificados, o novo regime jurídico e o modo de funcionamento da estrutura de protecção civil, bem como os deveres e as responsabilidades dos intervenientes. No âmbito do regime de voluntariado, os Serviços de Polícia Unitários iniciaram, no dia 29 de Março, o recrutamento de voluntários da protecção civil com vista a criar condições para a cooperação entre o Governo e os residentes nos trabalhos de protecção civil, incentivando a convergência de esforços a fim de elevar a eficiência da prevenção e resposta a desastres. Quanto à cooperação interdepartamental, as forças e serviços de segurança em colaboração com a Direcção dos Serviços de Educação e de Desenvolvimento da Juventude têm vindo a definir planos de resposta aos diferentes tipos de incidentes súbitos, bem como organizar a realização do simulacro “Invasão de pessoa suspeita em escola”, com o objectivo de reforçar a capacidade de resposta a incidentes súbitos do pessoal docente e dos alunos.

Além disso, a fim de assegurar uma resposta eficaz à epidemia, o Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus e o Centro de Operações de Protecção Civil realizaram, no dia 17 de Março, o “Simulacro de prevenção e controlo da epidemia por categorias e zonas”. A simulação visou intensificar a comunicação e a capacidade de acção conjunta dos serviços e entidades competentes, assim como, sensibilizar os residentes a conhecerem o plano de prevenção e controlo epidémico por categorias e zonas.

O mesmo responsável disse que Macau costuma iniciar a época de tufão em Maio ou Junho. Citando a previsão da Direcção dos Serviços Meteorológicos e Geofísicos, este ano Macau vai ser afectado por cinco a oito tempestades tropicais. Mas devido às constantes mudanças climáticas, o risco de ocorrência de catástrofes naturais de gravidade tende ser cada vez maior. De salientar que, os tufões formados em finais de Outubro do ano passado e em meados de Fevereiro deste ano foram situações fora do vulgar, pelo que os membros da estrutura de protecção civil se devem manter em alerta e tomar as devidas precauções. Para melhor responder às tempestades tropicais, realizar-se-á no dia 24 de Abril o exercício de tufão “Peixe de Cristal 2021”, o qual contará com a participação da população. Pretende-se com o exercício aprofundar o conhecimento da população sobre o “Plano de evacuação das zonas baixas em situações de storm surge durante a passagem de tufão”. As medidas de prevenção epidémica impostas pelos Serviços de Saúde serão tidas em consideração e cumpridas durante a realização do exercício.

Durante a reunião, os representantes da Direcção dos Serviços Meteorológicos e Geofísicos, da Direcção dos Serviços de Protecção Ambiental e da TDM fizeram apresentações sobre a previsão de tempestades tropicais, trabalhos da DSPA no âmbito da protecção civil e mecanismo de difusão de sinal de alerta de evacuação sob ‘storm surge’ nos pontos altos”. Os membros da estrutura de protecção civil trocaram opiniões sobre os trabalhos preparativos de combate ao tufão e o programa do exercício.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar