Serviços de Saúde promovem Dia Mundial sem Tabaco seguindo apelo da OMS


Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) há cerca de 8 milhões de pessoas que anualmente morrem devido ao consumo de tabaco, o consumo do tabaco não só pode causar o cancro pulmonar, como também o cancro do esófago, do estômago, do fígado, da boca, da garganta e aumenta os riscos de vir a sofrer de doença pulmonar obstrutiva crónica, de acidente vascular cerebral e da doença cardíaca isquémica.

A Organização Mundial da Saúde celebra, anualmente, a 31 de Maio, assinala o “Dia Mundial Sem Tabaco”, para chamar a atenção sobre a prevalência do tabaco e prevenir doenças e mortes causadas pelo tabaco.

Para responder a esta iniciativa da Organização Mundial da Saúde, os Serviços de Saúde criaram o “Posto Consultivo do Malefício Provocado pelo Tabagismo” e nos meses de Maio e Junho, durante as tardes de cada sábado em nove áreas de Macau (Parque Municipal Dr. Sun Yat Sen, Jardim de Luís de Camões, Zona de Lazer da Rua Norte do Patane, Jardim da Flora, Jardim do Mercado do Iao Hon, Zona de Lazer do Edifício Lok Yeung Fa Yuen (Rua do General Ivens Ferraz), Praça da Amizade, Largo Eduardo Marques do Coloane, Jardim da Cidade das Flores na Taipa e espaço lateral) será realizada a medição da pressão arterial dos residentes, serão respondidas perguntas dos residentes sobre os conhecimentos dos malefícios do tabaco e quais os canais de cessação tabágica, e fornecer serviços de teste de dependência de nicotina. Todos os interessados podem participar.

Com a criação do “Posto Consultivo do Malefício Provocado pelo Tabagismo", a mensagem sobre os malefícios do tabagismo pode ser divulgada nas comunidades, proporcionando uma via rápida de obtenção de informações pelos cidadãos relativas aos malefícios do tabagismo e com a interacção directa com os residentes, foi possível o Governo compreender melhor as necessidades da população, contribuindo com mais referências e dados para a elaboração do regime do controlo do tabagismo e definição da forma de divulgação e educação do público.

Há 9 anos que o Regime de Prevenção e Controlo do Tabagismo, consagrado na Lei n.º 5/2011, entrou em vigor e durante estes anos, a população e todas as associações e sectores da sociedade apoiaram o trabalho do controlo do tabagismo. A taxa geral de uso de tabaco pela população com idade igual ou superior a 15 anos tem gradualmente diminuído, antes da entrada em vigor da lei de controlo do tabagismo era de 16,9% (2011) e em 2019 a taxa situa-se nos 11,2%.



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar