Divulgação e promoção online e offline para explorar novas oportunidades de negócio e capacitação das pequenas e médias empresas para ajudar o desenvolvimento do comércio electrónico

DSEDT instalou a zona de exposição das lojas com características próprias na 9.ª Expo Internacional de Turismo (Indústria) de Macau

Para saudar a chegada da alta temporada de turismo durante as férias de verão e ajudar as empresas no aproveitamento das oportunidades de negócio, a Direcção dos Serviços de Economia e Desenvolvimento Tecnológico (DSEDT) continua a reforçar os trabalhos relativos à divulgação e promoção online e offline, especialmente através dos meios de novos media como transmissão ao vivo, vídeos curtos e plataformas de estilo de vida, bem como das formas mais populares actualmente como transmissão ao vivo e “planting seeds (recomendação)”, a fim de apoiar os comerciantes no alargamento das fontes de cliente e no desenvolvimento da “economia da experiência”.

Por seu turno, o Centro de Produtividade e Transferência de Tecnologia de Macau (CPTTM), através da organização de séries de sessões de partilha e de programas de transmissão directa transmitidos na Internet, reforça o conhecimento das PME sobre meios de novos media e até as suas técnicas de utilização dos mesmos, no sentido de que as PME possam melhor responder à tendência do comércio digital.

É dada continuidade à promoção do desenvolvimento do comércio electrónico, incentivando-se o sector no aproveitamento das oportunidades de desenvolvimento

A DSEDT continua a dar apoio às PME no aproveitamento do comércio electrónico para expandir os negócios, em particular reforça a utilização, pelas empresas, do novo tipo de negócio como a venda de produtos via transmissão ao vivo do comércio electrónico, com vista a promover o desenvolvimento do comércio electrónico de Macau.

Através da realização do “Workshop sobre tácticas de venda de produtos via transmissão ao vivo para as pequenas e médias empresas”, bem como do apoio dado às empresas na criação em Macau de uma base de transmissão ao vivo e da promoção da cooperação entre o sector local e o Interior da China na criação de uma base de práticas e formações, é induzido o desenvolvimento estável do sector de transmissão ao vivo de Macau, impulsionado o novo tipo de negócio, ou seja, venda de produtos via transmissão ao vivo do comércio electrónico, e promovido a aplicação da nova tecnologia de venda de produtos.

Além disso, a DSEDT promove a entrada dos produtos de qualidade de Macau no mercado do Interior da China de modo a alargar as suas fontes de clientes, tendo, nos finais do ano anterior, convidado o novo retalhista de renome do Interior da China (“Fresh hema”) a Macau para escolher e adquirir os produtos de qualidade de Macau. Actualmente, os produtos de várias empresas de Macau estão oficialmente comercializados nesta plataforma “Fresh hema”, o que deu um exemplo bem-sucedido para a exploração dos novos canais de venda pelas empresas de Macau.

São reforçadas acções de divulgação online e offline para alargar o mercado de clientes, e o número das lojas com características próprias aumentou para 139

Com base nos bons resultados conquistados nas duas fases do “Plano das lojas com características próprias” implementadas no ano transacto, a DSEDT ampliou, em Abril, o âmbito do Plano com foco incidido principalmente na gastronomia do sudeste asiático, tendo sido atraídas sucessivamente mais 39 lojas a aderirem ao Plano. Até ao presente, o número das lojas com características próprias de Macau aumentou para 139.

Ao mesmo tempo, a DSEDT continua a reforçar a promoção das lojas com características próprias mediante métodos online e offline. Quanto ao método online, através da cooperação interdepartamental, realizam-se as acções promocionais suaves da forma de “planting seeds (recomendações)” com meios emergentes de divulgação como vídeos curtos, transmissão ao vivo, e textos e imagens requintadas, especialmente com novas técnicas de atracção de clientes como “Transmissão ao vivo pelos influenciadores digitais” e “Visita dos experientes turísticos a lojas”, ou com meios de novos media mais utlizados pelos visitantes como a plataforma de vídeos curtos “Douyin” e a plataforma de estilo de vida “Xiaohongshu”.

No que se refere ao método offline, a DSEDT, através da cooperação interdepartamental, organiza a participação das lojas com características próprias em eventos de convenções e exposições de grande envergadura, ajudando-as no aumento da sua reputação. Por exemplo, na 9.ª Expo Internacional de Turismo (Indústria) de Macau que teve lugar há alguns dias, a DSEDT mobilizou a participação das 20 lojas com características próprias nesta exposição, bem como instalou a zona de exposição da imagem característica a fim de ajudar os comerciantes a aumentarem a sua visibilidade e expandirem o mercado de clientes.

CPTTM realiza sessões de partilha e programas de transmissão directa para ajudar as PME a utilizarem novos media na venda de produtos

No intuito de ajudar as empresas de Macau a aprofundarem o conhecimento sobre plataformas de novos media, bem como promover mais PME a melhor aproveitarem meios de novos media na realização de venda online e offline, o CPTTM realiza sessões de partilha da série de “Tácticas de venda com novos media para as pequenas e médias empresas”, respectivamente em Julho, Setembro e Outubro, em que convida os experientes de venda na Internet a partilhar as suas experiências práticas no exercício de actividades de venda com novos media. A primeira sessão subordinada ao tema “Grandes tendências que você tem de saber” foi realizada com sucesso em 15 de Julho, e as sessões que se realizarão respectivamente em Setembro e Outubro têm como temas “Como se procuram influenciadores digitais?” e “Dicas de fotografia sobre estilos de gastronomia”.

De outro lado, nos inícios de Julho, o CPTTM, através do programa de transmissão directa transmitido na sua página exclusiva de Facebook e de canal de Youtube, abordou o assunto temático sobre o desenvolvimento da transmissão ao vivo do comércio electrónico, bem como convidou os representantes do sector empresarial a partilharem como se aproveita o modelo da transmissão directa para promover os produtos e serviços e alargar, deste modo, os negócios. O conteúdo do programa em causa inclui a apresentação da forma de transmissão directa, da utilização de plataformas, de trabalhos preparatórios antes da transmissão directa e de técnicas de transmissão directa, bem como a partilha do desenvolvimento do sector, tendo sido recebidas as reacções positivas ao programa.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar