DSEDJ apoia fortemente os alunos transfronteiriços que regressaram a Macau


Na sequência da recepção da notificação urgente, enviada hoje (dia 4) de manhã pelas autoridades de saúde e indicando a existência de uma amostra possivelmente positiva, a DSEDJ anunciou a suspensão do reinício das actividades lectivasaté novo aviso e enviou, imediatamente, pessoal às escolas e a todos os postos fronteiriços para apoiar os alunos transfronteiriços e os pais/encarregados de educação com necessidade disso. A DSEDJ também apelou para que não permanecessem nas proximidades dos postos fronteiriços e regressassem às suas residências em Macau ou às casas dos seus familiares. Caso não tenham qualquerdomicílio em Macau, podem voltar às escolas onde estudam. As escolas devem cuidar destes alunos, seguindo de forma rigorosa as orientações de prevenção epidemiológica.

Além disso, a DSEDJ tem, simultaneamente, procedido à coordenação das escolas que possuem maior número de alunos transfronteiriços, bem como enviado pessoal aos postos fronteiriços, como já referido, para apoiar os alunos com necessidade, tendo pedido às escolas, aos docentes e aos alunos para se ajudarem uns aos outros. A coordenação das escolas visa fornecer um maior apoio aos alunos transfronteiriços. Solicitamos a todos que prestem uma atenção redobrada às informações emitidas pelo Governo da RAEM. Para obterem informações mais detalhadas, podem ligar para o 28555533.



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar