Funcionamento ordenado dos 41 postos de teste em massa de ácido nucleico

Todos os postos de testagem encontram-se a funcionar normalmente.

Em articulação com os trabalhos de prevenção da epidemia do Governo da RAEM, entre as 21h00 de 4 de Outubro (segunda-feira) e as 21h00 de 7 de Outubro (quinta-feira), realiza-se o 3.º teste massivo de ácido nucleico. O Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus e os Serviços de Polícia Unitários, juntamente com vários membros da estrutura da protecção civil, tiveram como referência as experiências de trabalho do último teste massivo, dando continuação à forma de funcionamento paralelo em dois centros, e de cooperação, numa acção conjunta, na execução dos trabalhos necessários, incluindo, a respectiva fiscalização, assegurar o funcionamento ordenado dos locais, coordenar a monitorização em tempo real do fluxo de pessoas nos diferentes postos de testagem, entre outras tarefas, para garantir o bom funcionamento dos trabalhos de teste e a divulgação atempada de informações.

O teste massivo de ácido nucleico começou a aceitar marcações às 16h00 de ontem (dia 4) e iniciou-se às 21h00 do mesmo dia. Todos os 41 postos de teste funcionaram de modo organizado e a média do tempo de espera foi de cerca de 30 minutos, tendo o número total de pontos de amostragem sido semelhante ao do 2.º teste massivo de ácido nucleico. Até à meia-noite de hoje (dia 5), foram realizadas 337 mil marcações. Neste momento estão abertas, temporariamente, vagas de marcação para as primeiras 48 horas e todos os postos de teste têm vagas suficientes. Todas as pessoas em Macau devem participar no teste massivo de ácido nucleico, não existindo um período de isenção de teste. As pessoas que tomaram a vacina contra a COVID-19, podem apenas efectuar o teste de ácido nucleico 24 horas após a vacinação.

O Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus apela aos residentes para aderirem, activamente, efectuarem a sua marcação, o mais rápido possível, e se dirigirem ao posto, atempadamente, para o teste. No intuito de articular com a necessidade de prevenção da epidemia, os residentes devem desinfectar as mãos quando entrarem e saírem dos postos de teste, evitar o contacto com superfícies nas instalações públicas durante o período de espera, manter a distância de um metro de outras pessoas, usar máscara e reduzir o diálogo, respeitando todas as medidas de prevenção da epidemia.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar