Os Centros Ambientais Alegria da DSPA começam a recolher roupa usada

A partir de 12 de Outubro, o serviço de recolha de roupa usada passa a estar disponível nos Centros Ambientais Alegria.

O Governo da RAEM continua a expandir uma rede de recolha de recursos para reciclagem cada vez mais conveniente, a fim de elevar a consciência dos cidadãos para a protecção ambiental. Com os Centros Ambientais Alegria existentes a servirem de infra-estruturas base, a Direcção dos Serviços de Protecção Ambiental (DSPA) lançou, sucessivamente, desde 2016, os programas de reciclagem de baterias usadas, equipamentos electrónicos e eléctricos, lâmpadas, resíduos alimentares domésticos, entre outros, e criou quatro Centros Ambientais Alegria perto das comunidades (na Alameda da Tranquilidade, Toi San, Ilha Verde e Seac Pai Van), impulsionou cerca de 800 edifícios a participarem no plano “Efectuar a recolha selectiva nos edifícios é muito fácil”, bem como estabeleceu “postos de reciclagem limpa instalados na rua no âmbito do Programa de Pontos “Verdes”” e pôs em circulação viaturas móveis de recolha, entre outras iniciativas. A partir de 12 de Outubro do corrente ano, a DSPA irá também adicionar a recolha de vestuário usado nos quatro Centros Ambientais Alegria subordinados à DSPA (vide o Anexo com os endereços e horários de abertura), de entre os quais, o contentor para recolha de roupa usada para reciclagem do Centro Ambiental Alegria (Iao Hon) situado na Alameda da Tranquilidade, está preparado para a recolha 24 horas por dia.

Para o desenvolvimento do programa, a DSPA conta com a cooperação de instituições sem fins lucrativos, nomeadamente a “Associação Exército de Salvação (Macau)”, a “Associação de Reabilitação «Fu Hong»” e a “Caritas de Macau”, as quais têm a seu cargo a selecção e tratamento dos artigos de vestuário usados para reciclar, sendo esta uma forma de fazer bom uso dos recursos de roupas usadas, num esforço no sentido de dar o melhor aproveitamento possível aos materiais e praticar acções amigas do ambiente, ao mesmo tempo que se ajuda as pessoas mais carenciadas da sociedade. Por outro lado, os contentores para deposição de roupa para reciclagem anteriormente instalados ao ar livre nas ruas pelo Instituto para os Assuntos Municipais e pela Associação Exército de Salvação (Macau) passaram também a ser da responsabilidade e fiscalização da DSPA, ficando agora todos da dependência de um só Serviço.

Para mais informações sobre o assunto acima referido, por favor consultar a página electrónica da DSPA (www.dspa.gov.mo/recyclingclothes.aspx) ou ligar para a “Linha Verde” 2876 2626.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar