100.º Aniversário das Casas da Taipa Visitas guiadas nas Casas da Taipa permitem experimentar as características dos edifícios

O Instituto Cultural (IC) lança as actividades “Visitas Guiadas nas Casas da Taipa”

Para comemorar o 100.º Aniversário das Casas da Taipa, o Instituto Cultural (IC) lança em Novembro cerca de 30 sessões das actividades temáticas, incluindo o “Workshop de Lâmpada de Escultura de Papel” e as “Visitas Guiadas nas Casas da Taipa”, integradas no “3.º Encontro em Macau - Festival de Artes e Cultura entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, permitindo ao público compreender melhor a história das Casas da Taipa. A entrada é livre e os interessados são bem-vindos a inscrever-se.

Estas cinco casas construídas em 1921 e serviram em tempos como residências de funcionários públicos de categorias superiores, nomeadamente famílias macaenses. Em 1992, foram reconhecidas como um complexo edificado de valor arquitectónico. Em 1999, o Governo decidiu renovar as casas completamente e transformá-las num sítio museológico. Em 2016, as cinco casas foram transformadas em “Museu Vivo Macaense”, “Galeria de Exposições”, “Casa Criativa”, “Casa de Nostalgia” e “Casa de Recepções”, contando de poente para nascente. As Casas da Taipa tornaram-se numa mostra não apenas da cultura dos países de língua portuguesa, mas da cultura de todo o mundo. Em comemoração do 100.º Aniversário das Casas da Taipa, o IC realiza o “Workshop de Lâmpada de Escultura de Papel” e as “Visitas Guiadas nas Casas da Taipa”, permitindo ao público compreender melhor a história das Casas da Taipa e experimentar o antigo modo de vida dos macaenses.

As “Visitas Guiadas nas Casas da Taipa” têm lugar aos Sábados e Domingos de Novembro, pelas 14:00 horas, 15:00 horas e 16:00 horas. As visitas começam no Museu Vivo Macaense e os guias conduzirão os participantes numa viagem com características portuguesas, dando a conhecer as histórias das Casas da Taipa e das comunidades que transmitem a cultura e história de Macau e macaenses, experimentando as características da fusão das culturas chinesa e ocidental em Macau. Os participantes nas visitas guiadas poderão receber um bloco de notas tridimensional recortado em forma das Casas da Taipa. O “Workshop de Lâmpada de Escultura de Papel” tem lugar nos Sábados e Domingos de Novembro, pelas 13:30 horas e 15:45 horas. Os instrutores ensinam os participantes a produzir lanternas na Galeria de Exposições das Casas da Taipa. Com o efeito de sobreposição de luz e sombra sobre múltiplos papéis, as lanternas apresentam as características distintivas das Casas da Taipa. As actividades realizadas na primeira semana receberam uma boa resposta por público.

Duas das actividades acima referidas serão conduzidas em cantonense, sendo a entrada livre. As sessões das visitas guiadas no dia 28 de Novembro, pelas 14:00 horas e 15:00 horas, serão disponibilizadas com tradução simultânea em português. Os interessados podem inscrever-se a partir de hoje, através do Sistema de Inscrição em Actividades do IC (www5.icm.gov.mo/eform2/event/p/). As vagas são limitadas. As vagas das visitas guiadas serão preenchidas por ordem de inscrição; os participantes nos workshops serão seleccionados por sorteio; caso o número de inscrições exceda o número de vagas, os participantes seleccionados serão notificados por SMS ou email. Para mais informações, é favor contactar o Instituto Cultural através do telefone n.º 8988 4000.

O Instituto Cultural seguirá estritamente as orientações de prevenção epidemiológica emitidas pelos Serviços de Saúde e implementará as medidas apropriadas para as actividades culturais. Todos os participantes devem usar máscara de protecção, ser submetidos à medição da temperatura corporal, apresentar o Código de Saúde válido do dia e cumprir as medidas de controlo epidémico e as providências de controlo de circulação de pessoas no local.

Para mais informações, poderá visitar a página electrónica do “Encontro em Macau - Festival de Artes e Cultura entre a China e os Países de Língua Portuguesa” em www.icm.gov.mo/FCP, seguir a página “IC_Art” no Facebook ou assinar a conta oficial do IC “IC_Art_Macao” no WeChat.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar