O SAFP organiza curso de formação sobre os produtos de computação em nuvem da Alibaba Cloud, reforçando o desenvolvimento da cidade inteligente

Situação da participação dos formandos no curso de formação sobre os produtos de computação em nuvem do Alibaba Cloud

A fim de formar trabalhadores da Administração Pública da RAEM que consigam dominar a plataforma tecnológica do Alibaba Cloud, e recorrer, no futuro, à essa tecnologia, para alargar e reforçar o âmbito da construção e do desenvolvimento da cidade inteligente, o SAFP organizou, no dia 1 de Abril, o primeiro curso de formação sobre os produtos de computação em nuvem do Alibaba Cloud.

Este curso contou com a participação de um total de 25 formandos, incluindo chefias e pessoal técnico provenientes das subunidades de informação de 14 Serviços Públicos da RAEM, projectando-se que no próximo ano, serão abertas mais 4 turmas de cursos de formação de conteúdos semelhantes, para dotar o Governo da RAEM de pessoal especializado nessa tecnologia.

O conteúdo do curso envolve a computação em nuvem, os megadados e a tecnologia de segurança de computação em nuvem, e após o fim do curso, será providenciada a participação dos formandos no exame de acreditação correspondente.

No intuito de dinamizar o desenvolvimento e a construção da cidade inteligente, o Governo da RAEM e o Alibaba Cloud celebraram o “Acordo-Quadro para a Cooperação Estratégica na Área da Construção de uma Cidade Inteligente” , e através do esforço conjunto de ambas as partes, foi ultimada a instalação do Centro Piloto de Computação em Nuvem destinado ao Governo da RAEM ( “Projecto Piloto”) e as correspondentes plataformas de computação em nuvem e de megadados, bem como lançadas, sucessivamente, as respectivas aplicações inteligentes envolvendo as áreas da governação, dos transportes, do turismo e da saúde, que registaram resultados preliminares. O Governo da RAEM projecta concluir neste ano, a construção do seu Centro de Computação em Nuvem (“CCN”), e irá reforçar a construção e o desenvolvimento da cidade inteligente, nomeadamente no que se refere à governação, aos transportes, ao turismo e à saúde, implementando, simultaneamente, de forma activa, os níveis de aplicação da tecnologia inteligente para os trabalhadores da Administração Pública e os cidadãos.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar