"Desenhos da Renascença Italiana do British Museum" exhibidos pela primeira vez em Macau num evento que antecede a Arte Macau

ATRIBUÍDO A GIOVANNI BELLINI (c. 1430–1516) TRÊS ESTUDOS DE CABEÇAS Giz preto, a folha restaurada extensivamente ao longo da margem inferior 1500–16 ©Trustees of the British Museum.

A exposição "Desenhos da Renascença Italiana do British Museum" será inaugurada no terceiro andar do Museu de Arte de Macau às 18h30 do dia 11 de Abril (quinta-feira). A exposição apresenta 52 desenhos de 42 artistas, incluindo Leonardo da Vinci, Michelangelo, Rafael, entre muito outros. A exposição é uma colaboração entre o Bristish Museum e o Museu de Arte de Macau, sob a tutela do Instituto Cultural, através da qual se apresentam pela primeira vez em Macau obras da colecção do British Museum, constituindo por isso um momento raro e a não perder.

Dividida em 6 sessões: A Figura Humana, O Movimento, A Luz, Os Trajes e Panejamentos, O Mundo Natural e As Narrativas, a exposição aborda alguns dos temas que caracterizam a arte renascentista e, partindo do estudo central da forma humana, explora como os artistas deram vida e dinamismo às suas composições, através do estudo do movimento, da luz e sombra, e dos panejamentos. Com o objectivo de criar um museu verdadeiramente inclusivo e explorar, em contexto museológico, outros sentidos para além da visão, foram usadas técnicas de impressão 3D para criar experiências tácteis de algumas das obras de arte apresentadas.

O museu convidou especialmente Sarah Vowles, a curadora da exposição do British Museum, para uma palestra no dia 13 de Abril (Sábado), que será conduzida em inglês para todos os interessados ​​em conhecer melhor a exposição, os seus tópicos e as técnicas utilizadas por jovens artistas nas oficinas do Renascimento. Um vasto programa público que inclui visitas guiadas com os curadores, visitas práticas à secção de impressão 3D da exposição, workshops de desenhos, cursos e actividades especiais para crianças, para cegos e deficientes visuais foram cuidadosamente elaborados pelo Museu de Macau de arte, no âmbito desta exposição.

Esta exposição é um dos eventos de preparação para o programa Arte Macau e é parte integrante de uma série de actividades que celebram o vigésimo aniversário do MAM. Em 2019 assinala-se também o 500º aniversário da morte do grande mestre renascentista, Leonardo da Vinci, e por isso a exposição foi especialmente programada para ser inaugurada em Abril e coincidir com o mês do seu nascimento, em 15 de Abril de 1452. O Departamento de Gravuras e Desenhos do British Museum alberga uma coleção nacional de gravuras e desenhos ocidentais que inclui cerca de 50.000 desenhos e mais de dois milhões de gravuras que datam do início do século XV até os nossos dias. A colecção está disponível ao público numa sala de estudo e através de um programa de exposições temporárias, exposições itinerantes e empréstimos. A exposição "Desenhos do Renascimento Italiano do Museu Britânico" contou igualmente com o apoio do Museu de Suzhou e da Faculdade de Indústrias Criativas da Universidade de São José. Ficará aberta até 30 de Junho. Para mais informações, visite www.MAM.gov.mo; para informações, ligue 8791 9814 durante o horário de funcionamento.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar