“Programa de proximidade de Serviços Médicos de Especialidade” dos Serviços de Saúde alargado ao Lar de Cuidados “Sol Nascente” da Areia Preta

Visita ao Centro Hospitalar Conde de São Januário dos Serviços de Saúde ao Lar de Cuidados "Sol Nascente" da Areia Preta

Para reforçar a cooperação entre o hospital e as associações, e melhorar a continuidade dos serviços de assistência médica e de cuidados para os idosos, o Programa de proximidade de Serviços Médicos de Especialidade dos Serviços de Saúde foi alargado (dia 7) ao Lar de Cuidados "Sol Nascente" da Areia Preta. O subdirector dos Serviços de Saúde e director do Centro Hospitalar Conde de S. Januário, Dr. Kuok Cheong U, o Médico-Adjunto da Direcção, Dr. Tai Wa Hou, enfermeira-adjunta da Direcção, Enf.ª Chan Weng Sai, a chefe substituta do Serviço de Geriatria, Dr.ª Pun Weng Hong, e a equipa de proximidade de serviços médicos de especialidade, visitaram este espaço - Lar de Cuidados "Sol Nascente" na Areia Preta, tendo trocado ideias com a directora do Lar de Cuidados "Sol Nascente", Cheang San San, as subdirectoras Leong Mou Cheng e Chan Sai Fan, a enfermeira-chefe Lok Wan Ian e a médica Ho Ka Ian, sobre o mecanismo de comunicação, modelo de cooperação e processo de serviço do plano de cooperação para Programa de proximidade de Serviços Médicos de Especialidade.

O director do Centro Hospitalar Conde de São Januário, Kuok Cheong U, afirmou que o Governo da RAEM está muito atento ao bem-estar dos idosos, aumentando constantemente os recursos para optimizar os serviços. O envelhecimento da população representa um desafio para a sociedade, fazendo com que os trabalhadores dos lares de idosos enfrentem muitas pressões.

Os Serviços de Saúde continuam a melhorar os serviços médicos de especialidade destinados aos idosos e os serviços de proximidade de especialidade dos lares de idosos pode proporcionar-lhes serviços médicos especializados mais convenientes, o que pode ainda atenuar a pressão dos trabalhadores, reduzindo a pressão de espera e o risco nas consultas de urgência e de especialidade.

Actualmente o Governo da RAEM tem vindo a elaborar planos a longo prazo em resposta aos desafios do envelhecimento da sociedade e das doenças crónicas. Por outro lado, irá continuar a reforçar a cooperação com as instituições médicas privadas, com vista a exercer efeitos sinérgicos e, em conjunto, melhorar vários serviços médicos para idosos, de modo a responder aos problemas resultantes do desenvolvimento social e demográfico.

A directora do Lar de Cuidados "Sol Nascente", Cheang San San, agradeceu e apoia os Serviços de Saúde no lançamento do “Programa de proximidade de Serviços Médicos de Especialidade”, proporcionando aos idosos meios de consulta médica mais convenientes ajudando a aliviar a pressão do lar. A directora espera que de futuro existam mais formas de cooperação, como, por exemplo, a formação de pessoal.

O Lar de Cuidados "Sol Nascente" da Areia Preta é o quinto lar de idosos a cooperar com os Serviços de Saúde no Programa de proximidade de Serviços Médicos de Especialidade.

Este programa teve início em 2018 com o Centro Hospitalar Conde de São Januário (CHCSJ) a prestar serviços médicos especializados de proximidade nos lares de idosos de Macau, financiados pelo Governo da RAEM.

Até à data, o programa abrange quatro lares de idosos de Macau, incluindo o Complexo de Serviços de Apoio ao Cidadão Sénior "Pou Tai", o Asilo Vila Madalena, o Lar de Cuidados de Ká Hó da Federação das Associações dos Operários de Macau e o Complexo de Serviços de Apoio ao Cidadão Sénior "Retribuição". A equipa de proximidade de serviços médicos de especialidade é composta por profissionais de saúde especializados, fisioterapeutas e farmacêuticos do CHCSJ, prestando serviços de proximidade de médicos diferenciados para idosos em lares de alto risco que tenham sido assistidos ou internados em Serviço de Urgência no hospital no último ano, com o intuito de reforçar a cooperação e continuidade mútua entre os serviços médicos para idosos e os cuidados comunitários, optimizando os serviços médicos para os idosos de alto risco em lares de idosos.

A nível institucional e individual, foi realizada uma série de trabalhos em torno das três tarefas principais de proximidade, educação e contacto.

Até ao final de 2020, o Programa de proximidade de Serviços Médicos de Especialidade disponibilizou 4.593 consultas externas de especialidade, num total de 16.078 pessoas.

Em 2020, o número de utentes de lares de idosos que recorrem ao Serviço de Urgência desceu 10,5% em relação a 2019, e registou uma diminuição de 15,5%, em caso de internamento hospitalar o que significa uma redução efectiva do uso dos serviços de urgência e de internamento hospitalar e a longo prazo uma optimização de recursos humanos e financeiros.

Os Serviços de Saúde continuam a expandir a cooperação no âmbito do Programa de proximidade de Serviços Médicos de Especialidade com outros lares para que os idosos possam obter apoio médico conveniente. Pretende-se a detecção precoce dos problemas de saúde dos idosos de alto risco, bem como o diagnóstico e tratamento adequados em tempo oportuno, ao mesmo tempo, através do intercâmbio e da formação, aumentar o nível da gestão médica, dos cuidados de saúde e dos medicamentos nos lares, aperfeiçoando o mecanismo de cooperação e desenvolvendo o espírito de cooperação entre hospital e as associações.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar