UM estabelece Alianças Bibliotecárias Académicas com Universidades de Países de Língua Portuguesa e do Interior da China, respectivamente

UM assina acordo de cooperação com várias universidades

A Universidade de Macau propôs a criação da “Aliança Bibliotecária Académica entre a Região Administrativa Especial de Macau (China) e os Países de Língua Portuguesa” e da “Aliança Bibliotecária Académica para Recursos em Língua Portuguesa entre a Região Administrativa Especial de Macau e o Interior da China”, com universidades dos Países de Língua Portuguesa e do Interior da China, respectivamente. Hoje (13 de Setembro), a UM celebrou, numa cerimónia online, o acordo de cooperação para a Aliança Bibliotecária Académica para Recursos em Língua Portuguesa com universidades do Interior da China. Este visa criar um mecanismo para os serviços de empréstimo inter-bibliotecas e de transmissão de documentos, assim como o estabelecimento de um catálogo colectivo.

No discurso proferido para a ocasião, o reitor da Universidade de Macau, Prof. Dr. Song Yonghua, disse que, sendo a única universidade holística pública de Macau, a UM assumiu sempre como missão a promoção do ensino da língua portuguesa. Este ano marca o 40.º aniversário da fundação da UM, o que confere mais oportunidades e maior capacidade para avançar no ensino da língua portuguesa. A fim de apoiar o estabelecimento da RAEM como uma “Plataforma de Serviços para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, para além de cultivar quadros bilíngues Chinês-Português e formar docentes de língua portuguesa altamente qualificados, a UM irá, em concomitância, procurar reunir uma panóplia abundante de recursos linguísticos em português. A criação da Aliança facilitará o apoio mútuo e a cooperação nos domínios do ensino, da aprendizagem e da investigação académica entre os membros.

O vice-reitor da UM, Prof. Dr. Rui Martins, apresentou o enquadramento e objectivos das duas alianças, salientando que a UM propôs o seu estabelecimento para servir como base para o intercâmbio e colaboração académica através da partilha e recolha conjunta de recursos bibliotecários em língua portuguesa. Para celebrar esta ocasião, o Departamento de Trabalhos de Educação e Juventude do Gabinete de Ligação do Governo Popular Central na RAEM enviou uma carta de felicitações à Aliança. O chefe substituto do Departamento do Ensino Superior da Direcção dos Serviços de Educação e de Desenvolvimento da Juventude da RAEM, Sr. Sam Hio Tong, e o Prof. Dr. Chen Jianlong da Biblioteca da Universidade de Pequim também saudaram a Aliança pela sua criação, tendo proferido discursos de felicitações durante a cerimónia.

Mais de 50 participantes de universidades de renome de Pequim, Xangai, Tianjin, Chongqing, Guangdong, Sichuan, Zhejiang, Dalian, Xi'an e Macau marcaram a sua presença na cerimónia online de assinatura do acordo, incluindo o presidente da Universidade Normal de Sichuan, Prof. Dr. Wang Mingyi, o reitor da Universidade de São José, Prof. Dr. Stephen Morgan, o vice-presidente da Universidade de Estudos Estrangeiros de Tianjin, Prof. Dr. Yu Jiang, e o presidente do Comité Académico da Universidade de Estudos Estrangeiros de Pequim, Prof. Dr. Yuan Jun. A cerimónia de abertura da “Exposição Online sobre Inovação de Serviços das Bibliotecas Universitárias” realizou-se pela mesma ocasião, tendo sido mostrados exemplos de inovação dos serviços prestados pelas bibliotecas-membros e apresentados a página electrónica da Aliança, o catálogo colectivo de recursos em língua portuguesa dos membros, e recursos pedagógicos para professores de português. Adicionalmente, a Aliança organizará actividades de formação conjuntas para elevar o nível académico e a qualidade do serviço dos membros, assim como para melhorar as competências profissionais do pessoal que exerce funções nas bibliotecas.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar