Chefe do Executivo propõe exoneração de Secretário Ao Man Long ao Governo Central

Após uma investigação rigorosa e confidencial foi detectado que o Secretário para as Obras Públicas e Transportes, Ao Man Long, é suspeito de corrupção passiva grave e práctica de actividades financeiras ilegais. Um vez que se trata de um caso grave, o Comissariado Contra a Corrupção (CCAC) da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), em conformidade com a Lei, deteve o Secretário para averiguações. Perante a situação acima referida, o Chefe do Executivo, Edmund Ho, propôs ao Governo Popular Central, de acordo com a alínea 6 do artigo 50º. da Lei Básica, a exoneração de funções do Secretário Ao Man Long. O Governo da RAEM tem sempre exigido rigor, honestidade e transparência a todos os seus responsáveis, na execução de funções, não permitindo nunca o uso de poder para fins privados. Macau, como sociedade de Direito, não admite que nenhuma individualidade desafie a Lei. O caso agora mencionado reflecte o empenho e determinação do governo em promover a transparência e honestidade. Todos os quadros do governo e os funcionários da administração pública vão continuar firmes nos seus cargos, a desenvolver a acção governativa em conformidade com a Lei, a servir a população e a impulsionar o desenvolvimento da RAEM.



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar