Serviços de Saúde: Vacina contra a gripe com acesso gratuito a partir de 22 de Novembro para todos Residentes de Macau

Código QR: Marcação de Vacinação Contra a Gripe

Mais de 57000 mil pessoas, de grupos de alto risco, já administraram a vacina contra a gripe no âmbito do programa de vacinação gratuita contra a gripe 2021-2022 que teve início no dia 20 de Setembro.

Com o intuito de fortalecer a barreira imunológica na comunidade, criar uma maior protecção da saúde, bem como aproveitar as vacinas contra a gripe disponíveis os Serviços de Saúde informam que a partir do dia 22 de Novembro de 2021 (segunda-feira) o programa de vacinação gratuita contra a gripe 2021-2022 será alargado a todos os residentes de Macau. Todos os residentes podem a partir desse dia aceder gratuitamente à vacina sendo que a idade mínima para a vacinação é seis meses de idade.

Com vista a facilitar a marcaçãoda administração da vacina, reduzir o tempo de espera e evitar aglomerações de pessoas nos centros de saúde ou postos de saúde, os Serviços de Saúde disponibilizam na Internet um sistema de “Marcação de Vacinação Contra a Gripe” disponível na página electrónica:https://www.ssm.gov.mo/infrs.

O Acesso à página pode também ser feito pelo código QR.

Além da página da internet os residentes podem fazer a marcação por telefone ou pessoalmente nos centros/postos de saúde.

Os indivíduos que efectuem a marcaçãoonlineou pessoalmente recebem uma senha de marcação e na véspera do dia marcado recebem um SMS com a notificação da data, hora e local da vacinação.

A administração da vacina está disponível no Posto de Vacinação do Centro Hospitalar Conde de São Januário e nos postos de vacinação com protocolo de colaboração celebrado com os Serviços de Saúde, nomeadamente, o Posto de Vacinação do Hospital Kiang Wu, as Consultas Externas do Hospital Universitário de Ciência e Tecnologia e a Clínica dos Operários (situada na Rua do Bispo Medeiros).

No dia da vacinação, os residentes devem exibir o seu Bilhete de Identidade de Residente de Macau, o Cartão de Utente (conhecido também por cartão dourado) emitido pelos Serviços de Saúde e o Registo Individual de Vacinação contra a Gripe Sazonal (se tiver). Após verificação da inexistência de contra-indicações, através de um exame por um profissional de saúde, podem proceder à vacinação. Os indivíduos que não possuam Cartão de Utente podem recorrer ao centro de saúde de residência, sendo que após a vacinação, ser-lhes-á emitido o Registo Individual de Vacinação contra a Gripe Sazonal.

Os Serviços de Saúde salientam que a administração de vacina antigripal é a medida eficaz para prevenir a gripe.

Mulheres grávidas, crianças, idosos e pacientes com doenças crónicas são mais propensos a ter complicações graves e até a morte após serem infectados pelo vírus influenza, em particular, devido ao facto de ainda se estar a propagar a pandemia causada pelo novo tipo de coronavírus. No Outono e no Inverno são as estações com alta incidência de doenças respiratórias, neste contexto, a vacinação antigripal pode efectivamente reduzir o risco de sobrepor a epidemia da COVID-19 ao surto da gripe, diminuindo a possibilidade de ocorrerem consequências graves devido à infecção dupla.

Com vista a assegurar a saúde dos grupos de alto risco, os Serviços de Saúde apelam aos indivíduos de alto risco para que sejam vacinados, o mais rapidamente possível, antes do pico da gripe.

Os indivíduos que ainda não tenham sido vacinados contra COVID-19, recomenda-se que a vacinação contra a gripe seja realizada com pelo menos 14 dias entre as duas vacinas.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar