Estatísticas dos transportes e comunicações referentes a Fevereiro de 2019

Até ao final de Fevereiro de 2019 havia 239.345 veículos matriculados, tendo descido ligeiramente 0,4%, face ao final de Fevereiro de 2018. Salienta-se que destes veículos o número de ciclomotores (25.647) baixou 10,3%, enquanto o de automóveis ligeiros (108.262) e o de motociclos (97.894) subiram 1,0% e 1,2%, respectivamente. O número de veículos com matrículas novas equivaleu a 726, menos 36,9%, em termos anuais. De entre estes veículos, o número de motociclos (410) e o de automóveis ligeiros (282) diminuíram 31,9% e 40,6%, respectivamente. Nos dois primeiros meses deste ano o número de veículos com matrículas novas foi de 1.954, menos 31,6%, face ao mesmo período do ano passado. No mês em análise ocorreram 1.153 acidentes de viação, mais 3,6% em termos anuais e registaram-se 410 feridos. Nos dois primeiros meses do corrente ano o número de vítimas de acidentes de viação totalizou 709, uma das quais morreu, informam os Serviços de Estatística e Censos.

Em Fevereiro de 2019 o movimento de automóveis nos postos fronteiriços fixou-se em 373.553, ou seja, mais 3,1%, em termos anuais. Destaca-se que o movimento de automóveis na Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau se situou em 19.691 e que nas Portas do Cerco foi de 237.279, menos 4,8%, em termos anuais. Nos dois primeiros meses de 2019 o movimento de automóveis nos postos fronteiriços totalizou 830.643, tendo-se registado um crescimento de 6,0%, face ao período homólogo do ano passado. No mês em análise realizaram-se 5.587 voos comerciais no Aeroporto Internacional de Macau, mais 16,1%, em termos anuais. Realça-se que o número dos voos entre Macau e a China Continental (2.256), bem como entre Macau e a Tailândia (590) cresceram 27,2% e 24,2%, respectivamente, enquanto que o número de voos entre Macau e Taiwan (1.054) desceu 2,2%. Nos dois primeiros meses deste ano efectuaram-se 11.337 voos comerciais, mais 15,1%, relativamente ao mesmo período de 2018.

O peso bruto da carga contentorizada entrada e saída do Território por via terrestre fixou-se em 880 toneladas, menos 3,5% face a Fevereiro de 2018, salientando-se que a carga entrada e saída pelo Posto Fronteiriço do Cotai foi de 798 toneladas, tendo baixado 7,4%. O peso bruto da carga contentorizada entrada e saída do Território por via marítima situou-se em 8.032 toneladas, menos 19,3% relativamente a Fevereiro de 2018, realçando-se que a carga entrada e saída pelo Porto Interior correspondeu a 4.449 toneladas, tendo descido 18,0%. O movimento geral de contentores por via marítima foi de 5.474, os quais totalizaram 8.099 TEU, tendo-se observado diminuições de 10,9% e 9,7%, respectivamente, em relação a Fevereiro de 2018. Nos dois primeiros meses deste ano, o peso bruto da carga contentorizada entrada e saída do Território por via terrestre fixou-se em 3.180 toneladas e por via marítima correspondeu a 24.298 toneladas, isto é, mais 48,1% e 2,0%, respectivamente, face ao período homólogo de 2018. O movimento geral de contentores por via marítima foi de 14.187, os quais totalizaram 20.968 TEU, tendo-se verificado um decréscimo de 2,1% e uma descida ligeira de 0,9%, respectivamente, em comparação com o idêntico período de 2018.

A carga aérea movimentada no Aeroporto Internacional de Macau fixou-se em 1.484 toneladas, tendo baixado 23,8%, em relação a Fevereiro de 2018. Destaca-se que a carga importada (435 toneladas) e a carga exportada (855 toneladas) diminuíram 20,3% e 19,5%, respectivamente. Salienta-se ainda que a carga em regime de trânsito (195 toneladas) desceu significativamente 42,9%. Nos dois primeiros meses do corrente ano verificou-se um movimento de 5.068 toneladas de carga aérea, ou seja, menos 6,2%, face ao período homólogo do ano anterior.

No final de Fevereiro de 2019 havia 122.983 utentes de telefone da rede fixa e 2.150.763 utentes de telemóvel, tendo-se observado decréscimos de 5,7% e 6,7%, respectivamente, face ao final de Fevereiro de 2018. Quanto aos serviços de internet, existiam 549.235 assinantes registados, isto é, mais 6,3%. No mês em análise foram utilizadas 127 milhões de horas dos serviços de internet, ou seja, verificou-se um aumento de 26,7%, em termos anuais. Nos dois primeiros meses de 2019, foram utilizadas 248 milhões de horas dos serviços de internet, ou seja, registou-se um aumento de 18,7%, relativamente ao mesmo período do ano precedente.



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar