Conselho de Consumidores optimiza os trabalhos de investigação sobre os preços aumentando a frequência da recolha de preços em supermercados

O Conselho de Consumidores (CC) tem optimizado os trabalhos de investigação sobre os preços em supermercados. Após ter analisado o recente modelo de operação dos supermercados, observado a variação dos preços de produtos em supermercados e ouvido as opiniões dos consumidores, o CC, a partir deste mês, aumentou a frequência da recolha de preços nos supermercados locais, cada dos quais passou a ser investigado duas vezes por mês, por forma a aumentar a tempestividade do relatório da investigação sobre os preços em supermercados.

CC divulga ordenadamente os resultados de oito operações de recolha de preços realizadas em cada mês

A investigação de preços em supermercados optimizada inclui oito operações de recolha de preços, como se indica o seguinte: Na primeira metade do mês o CC procede a quatro operações de recolha de preços em mais de quarenta supermercados dispersas em cinco zonas da Cidade de Macau, registando os preços de mais de duzentos produtos e organizando-os para o relatório, que será divulgado em todas as plataformas disponibilizadas pelo CC. Os consumidores podem consultar os referidos dados na página electrónica do CC ou na aplicação informática “Posto das Informações de Preços dos Produtos à Venda nos Supermercados”, fazendo comparação de preços com recurso às suas funções como “Consulta rápida de preços”, “Cesto de compras”, “Escolha inteligente no Supermercado” e “Diferenciação de preços”. Na segunda metade do mês repetem-se as quatro recolhas de preço e os respectivos trabalhos de análise. O CC aponta que o aumento da frequência das operações de investigação pode garantir a pragmaticidade e a tempestividade dos dados recolhidos.

O relatório da investigação apresenta ainda os resultados da análise comparativa dos preços de cerca de 70% dos produtos investigados (que são produtos de primeira necessidade) com os preços registados na operação anterior, com vista a permitir que os consumidores estejam a par da flutuação de preços. Por outro lado, o CC irá incluir mais produtos na investigação atendendo à evolução do mercado e à situação real, como os produtos alusivos às festividades, no sentido de proporcionar informações atempadas e válidas aos consumidores.

CC publica os resultados da primeira recolha de preços de Abril efectuada na freguesia de Nossa Senhora de Fátima

Teve lugar a primeira recolha de preços de Abril e nesta foram investigados 14 supermercados situados na freguesia de Nossa Senhora de Fátima. Os consumidores podem consultar os dados recolhidos pelo CC na sua página electrónica, na aplicação informática “Posto das Informações de Preços de Macau” e na conta de WeChat.

O relatório da investigação sobre os preços em supermercados, em suporte de papel, também se encontra em distribuição gratuita na sede do CC e nas Bibliotecas que funcionam sob a tutela do Instituto Cultural.

Nos termos do disposto na alínea b) do n.º 2 do artigo 10.º da Lei n.º 4/95/M, de 12 de Junho (que prevê a atribuição do CC de recolher dados e informações sobre a formação dos preços de bens ou serviços oferecidos ao público), o CC efectua a investigação sobre os preços nos supermercados locais, no sentido de aumentar a transparência de preços.

Os consumidores podem ligar à linha aberta do CC (89889315) para qualquer esclarecimento em matéria de consumo.

Link do relatório da investigação sobre os preços em supermercados (Fátima/4 de Abril):

https://www.consumer.gov.mo/supermarket/property/pdf/2019-04-04_595_p.pdf



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar