Left off-canvas

An off-canvas can hold any content you want.

Close this off-canvas by clicking on the backdrop or press the close button in the upper right corner.

 

Some details

  • Width
    240px
  • Height
    100%
  • Body scroll
    disabled
  • Background color
    Default

Directora da DST no Butão para reuniões regionais da OMT e falar em conferência sobre Desenvolvimento Sustentável através do Turismo

Líderes de turismo da Ásia Pacífico participam na “Conferência Regional da OMT sobre Desenvolvimento Sustentável através do Turismo”

A directora da Direcção dos Serviços de Turismo (DST), Maria Helena de Senna Fernandes, foi uma das oradoras convidadas a participar na “Conferência Regional da Organização Mundial de Turismo (OMT) sobre Desenvolvimento Sustentável através do Turismo”, realizada hoje (dia 3) em Thimbu, no Butão. A conferência decorreu na véspera da 31.ª Reunião Conjunta da Comissão da OMT para a Ásia Oriental e Pacífico e da Comissão da OMT para a Ásia do Sul, e eventos relacionados, que reúne dirigentes e representantes de turismo de 25 países e territórios da região.

Aproveitando a concentração de líderes para a 31.ª Reunião Conjunta da Comissão da OMT para a Ásia Oriental e Pacífico e da Comissão da OMT para a Ásia do Sul, que é o principal evento anual da OMT na Ásia Pacífico, a Conferência Regional da OMT foi uma vez mais organizada em sintonia, este ano sob o tema “Desenvolvimento Sustentável através do Turismo.”

Maria Helena de Senna Fernandes debate políticas de desenvolvimento sustentável em Diálogo ao Alto Nível

A directora da DST participou na sessão de Diálogo ao Alto Nível da conferência regional, em conjunto com responsáveis governamentais de turismo do Interior da China, Butão, Japão, Índia, Indonésia, Bangladesh, Vanuatu, Maldivas, Nepal, Sri Lanka, Mongólia, e o director executivo da Associação de Turismo da Ásia Pacífico (Pacific Asia Travel Association – PATA). Os oradores apresentaram uma panorâmica da actual situação das políticas e práticas sustentáveis nos seus destinos, em sintonia com os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, seguida de discussões.

Maria Helena de Senna Fernandes indicou durante a sessão que o Turismo é uma indústria pilar da economia de Macau, que trouxe um desenvolvimento estável à economia de Macau, e permitiu ao Governo melhorar a educação, cuidados de saúde, emprego, benefícios sociais, cultura, desporto, e uma série de outras condições. Contudo, o forte desenvolvimento do turismo acarretou também pressão para a vida dos residentes, sobretudo recentemente, com a abertura da Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau, o número de visitantes no primeiro trimestre do ano já ultrapassou um milhão, registando um aumento de 20 por cento, comparando com o mesmo período no ano passado. O Governo Central posicionou o desenvolvimento de Macau como um centro mundial de turismo e lazer, por este motivo, enquanto desenvolve a economia da cidade, o Governo da RAEM procura também desenvolver com dinamismo uma indústria turística compatível com bem-estar dos residentes, de modo a erguer uma cidade sustentável, que seja simultaneamente um bom sítio para viver e viajar.

A conferência de um dia abriu com intervenções do secretário geral da OMT, Zurab Pololikashvili, do ministro dos Negócios Estrangeiros do Butão, Tandi Dorjientre, outros dignitários. O programa da conferência abarcou ainda outros dois painéis, um dos quais centrado nos “Objectivos de Desenvolvimento Sustentável, Consumo e Produção Sustentável através do Turismo”, e um outro que convidou os oradores a debruçar-se sobre a filosofia advogada pelo Butão em “Felicidade Interna Bruta através do Turismo”.

Actualização da situação do turismo de Macau na Comissão da OMT para a Ásia Oriental e Pacífico

Amanhã (dia 4) terá lugar a 31.ª Reunião Conjunta da Comissão da OMT para a Ásia Oriental e Pacífico e da Comissão da OMT para a Ásia do Sul, a seguir a reuniões separadas de cada comissão, designadamente a 57.a Comissão da OMT para a Ásia do Sul e a 53.a Comissão da OMT para a Ásia Oriental e Pacífico, com a agenda a incluir o relatório do programa de trabalho da OMT para a região, entre outros temas.

A directora da DST apresentará na 53.a Comissão da OMT para a Ásia Oriental e Pacífico uma actualização da situação do turismo em Macau, assinalando novos factores de mudança como a Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau e os planos de desenvolvimento para a Grande Baía, a par com os grandes eventos alinhados para este ano, nomeadamente o Arte Macau e as celebrações do 20.o aniversário do estabelecimento da RAEM, entre outros.

Macau é membro associado da OMT desde 1981, participando activamente ao longo dos anos nos eventos e projectos levados a cabo pela organização, com o objectivo de reforçar a cooperação turística a nível internacional, elevar o perfil da cidade e envolvimento com a principal organização internacional de turismo.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar