Aceitam-se, a partir de Abril, candidaturas para o “Projecto de Estágio na Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO)”.

A Comissão de Desenvolvimento de Talentos (adiante designada por Comissão) e a Fundação Macau continuarão, em 2019, a organizar o “Projecto de Estágio na Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO)”, (adiante designado por “Projecto de Estágio na UNESCO”). Todos os que satisfaçam os requisitos profissionais e técnicos indicados, sejam residentes permanentes da RAEM, tenham completado ou não, no corrente ano, 30 anos de idade, podem apresentar, a partir de hoje e até 15 de Maio, a sua candidatura.

As vagas de estágio do “Projecto de Estágio na Unesco” serão disponibilizadas pelas delegações da UNESCO, localizadas em diferentes países, podendo, deste modo, os estagiários durante o estágio ter um melhor entendimento sobre diversos temas internacionais relacionados e da sua área profissional. Este ano, é a terceira edição deste projecto, sendo o número de países e regiões, e postos de trabalhos abrangidos, superior e mais diversificado. As vagas de estágio de 2019 terão lugar em Itália, Costa Rica, Uruguai, Cuba, Moçambique e Angola, nas seguintes áreas: Cultura, Políticas Científicas, Igualdade de Género e Sociologia, entre outros.

Todos os requerentes admitidos e seleccionados pela UNESCO terão, , entre outros, os seguintes apoios financeiros do Governo da RAEM: pagamento das despesas relativas aos transportes de ida e volta do local de estágio; subsídio de subsistência mensal de MOP12.000; subsídio, concedido de uma só vez, de MOP20.000, para seguro e visto. O Regulamento deste Projecto pode ser consultado na página electrónica desta Comissão em:

http://www2.scdt.gov.mo/zh-hant/project/unesco2019/regulation

Para mais informações, se necessário, contacte pelo correio electrónico enquiry.ttp@scdt.gov.mo ou telefone para o Secretariado da Comissão de Desenvolvimento de Talentos (tel: 2855 5108) durante o horário de expediente.



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar