Comissão para a Cidade Saudável lança actividade -“Venham lá movimentar-se”

Reunião da Comissão para a Cidade Saudável de balanço das actividades em 2018 e planeamento dos trabalhos para 2019, que inclui o lançamento da actividade “Venham lá movimentar-se”

A Comissão para a Cidade Saudável realizou, quarta-feira, 8 de Maio uma reunião para analisar as actividades realizadas em 2018 e planear as actividades de 2019. Esta comissão é presidida pelo Director dos Serviços de Saúde, Dr. Lei Chin Ion, e composta por seis grupos que são responsáveis pela segurança da comunidade, pelo ambiente da comunidade, pelos serviços prestados à saúde, pela promoção da vida saudável, pela segurança alimentar e pela construção urbana.

De acordo com o Director dos Serviços de Saúde, Dr. Lei Chin Ion, a definição da Organização Mundial de Saúde (1948), a expressão: Saúde refere-se a uma situação em que todos os aspectos da adaptação física, psicológica e social são bons e não significa não ter doença ou falta de aptidão física. De uma forma simples, apresentar uma cidade saudável inclui ter uma sociedade saudável, um ambiente saudável e uma população saudável.

Em 2018 a Comissão para a Cidade Saudável do Governo da Região Administrativa Especial de Macau, para chamar a atenção do público para prática de um estilo de vida saudável, cultivar bons hábitos e construir um lar saudável e feliz, organizou uma série de actividades e um festival com o objectivo de promover a socialização.

Em 2019 de forma prosseguir a promoção do conceito de saúde, será usada a expressão "físico". Através dos desportos para melhorar o físico de todos, desenvolve-se um estilo de vida saudável. No próximo ano, a Comissão planeia usar o tema "psicológico" como uma direcção de promoção, e é esperado que se implemente e promova de forma progressiva e conjunta o conceito de “MACAU – UM LAR FELIZ E SADIO” de diferentes maneiras.

No âmbito dos trabalhos realizados em 2018 os diferentes grupos apresentaram os trabalhos mais significativos, nas diferentes áreas, nomeadamente:

- Ambiente da comunidade: foram definidos programas sobre Edifícios saudáveis, promovida a higiene ambiental e realizadas acções de prevenção da febre de dengue.

- Segurança da comunidade: Foram promovidas acções relativas à formação e educação de aspectos relativos à segurança profissional; divulgação e promoção, fiscalização e execução da lei; prevenção e combate ao crime; promoção da circulação rodoviária segura; vigilância de danos e formação na prevenção de danos.

- Promoção da vida saudável: Foram realizadas nas escolas acções educativas para a promoção de uma alimentação saudável; Foi incentivada a promoção do Programa do “Bar Saudável”; Festa da Fruta, do Programa de leite e leite de soja; foi ainda implementada a “Plataforma das Orientações da Educação para a Saúde dos Alunos dos Ensinos Primário e Secundário de Macau” e o “Kit para a saúde infantil e juvenil”; foram também realizadas avaliações do Programa piloto de serviços relativos aos jovens anónimos. Foi continuado a concretizar ordenadamente as diversas políticas e regime do Plano Decenal de Acção para os Serviços de Apoio a Idosos.

- Serviços prestados à saúde: Foram promovidas acções relativas à prevenção e controlo da Sida, Saúde mental, Controlo do tabagismo e gestão das doenças crónicas;

- Segurança alimentar: Foram promovidos testes de rotina aos alimentos da época e outros alimentos; foram recolhidas e compiladas informações sobre produtos alimentares que prejudicam a saúde das pessoas e sobre a declaração obrigatória de doenças relacionadas com os alimentos; foram realizadas inspecções conjuntas combate contra infracções, inspecções para concretização de segurança alimentar conforme as leis, bem como acções de formação sobre segurança alimentar destinadas quer aos diferentes sectores profissionais, quer aos cidadãos.

- Construção urbana: Foram realizados trabalhos relacionados com a poluição ambiental, tratamento de resíduos e de âmbito do planeamento urbano, reordenamento dos bairros antigos, assim como construção de infra-estruturas. Foram ainda analisadas situações relativas à protecção do património cultural, plano de desenvolvimento de água reciclada e promoção, entre outras.

No ano passado, a Comissão organizou com sucesso uma série de oito actividades "Caminhada para a Saúde" e o programa CIDADE SAUDÁVEL 2018 “MACAU – UM LAR FELIZ E SADIO” na Praça do Tap Siac para promover a saúde ao nível social e espiritual da comunidade através da "sociedade saudável" promovida por estes actividades e programa.

A Comissão para a Cidade Saudável implementa, ainda, anualmente um programa de subsídio destinado à realização de actividades promotoras da cidade saudável. O programa entrará no 12.º ano, que continua a visar estimular associações e escolas a desenvolverem actividades pedagógicas que promovam a saúde, que aumentem o conhecimento dos cidadãos sobre a saúde e que resultem na criação de práticas e estilos de vida saudável.

Na reunião, também foram apresentados os programas para prevenção do uso nocivo de álcool e a promoção de prevenção interdepartamental de intoxicação por monóxido de carbono e infecção por Legionella.

Este ano, a Comissão adoptou o "físico" como palavra promocional uma vez que na falta de actividade física ou num estilo de vida sedentário, o risco de sofrer uma variedade de doenças crónicas pode ser aumentado, pelo que os profissionais sedentários (por exemplo os trabalhadores em escritórios) devem prestar atenção à própria saúde e realizar intervenções precoces à saúde para promover a boa saúde física. A fim de incentivar as unidades de trabalho a estabelecer medidas para prática de exercício físico durante o horário de trabalho, proporcionar aos funcionários um ambiente de trabalho que facilita desportos, a Comissão ajuda-os a desenvolver o hábito de exercício regular para aliviar a fadiga, fortalecer a aptidão física, melhorar a eficiência do trabalho e qualidade de vida.

Na reunião anual foi lançada a Actividade “Venham lá movimentar-se”, que pode ter a participação de todas as pessoas.

Mais detalhes em https://www.ssm.gov.mo/apps1/hm2019/ch.aspx#clg15504 .

Participaram na reunião o assessor do Gabinete do Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Dr. Tai Wa Hou, o Subdirector dos Serviços de Saúde e convocador do Grupo de serviços prestados à saúde, Dr. Cheang Seng Ip, Director da Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais, Dr. Wong Chi Hong, Chefe do Departamento e convocador do Grupo de segurança da comunidade, Dr. Lam Iok Cheong, Director substituto da Direcção dos Serviços de Turismo, Dr. Cheng Wai Dong, Subdirector do Gabinete de Comunicação Social, Dr. Wong Lok I, Subdirector da Direcção dos Serviços das Forças de Segurança, Dr. Kuan Kai Weng, Subdirector do Instituto Cultural (IC), Dr. Chan Kai Chun, técnico do IC, Dr. Chong Sio Pang, Subdirector do Instituto do Desporto, Dr. Lao Cho Un, Subdirectora da Direcção dos Serviços de Protecção Ambiental, Dra. Wong Man Hong, Chefe do Departamento do Instituto para os Assuntos Municipais (IAM), Dr. Fong Wai Seng, Chefe de Divisão do IAM e representante do Grupo de segurança alimentar, Dra. Lo Un In, Chefe de Divisão do IAM e convocador do Grupo de ambiente da comunidade, Dr. Ao Wai San, Chefe funcional do IAM, Dra. Pang Sao Hun, Chefe de departamento da Direcção dos Serviços de Economia, Dr. Kuong Son Cheong, Chefe de departamento do Instituto de Acção Social, Dra. Tang Kit Fong, Chefe de divisão da Direcção dos Serviços de Educação e Juventude e convocador do Grupo de promoção de vida saudável, Dr. Sit Weng Tou, Técnica Superior da Direcção dos Serviços de Assuntos Marítimos e de Água, Dra. Iu Choi Fong, Secretária-Geral da Comissão para a Cidade Saudável e convocadora do Grupo de construção urbana, Dra. Chan Tan Mui.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar